Curtas-metragens amazonenses estreiam no próximo sábado (15)

Os curtas-metragens amazonenses “Obeso Mórbido” e “Sons do Igarapé” estreiam no próximo sábado (15), às 18h30, no Cine Teatro Guarany, na Av. Sete de Setembro, Centro. Os dois trabalhos são realizações da Artrupe Produções – “Obeso Mórbido” é uma coprodução com a Duplofilme – e foram finalizados em outubro de 2018.

“Obeso Mórbido”

Dirigido por Diego Bauer e Ricardo Manjaro, parte da história real de Bauer, que passou por uma reeducação alimentar e física, e emagreceu mais de 45 quilos em dois anos.

Após chegar a sua meta, a dupla de diretores resolveu fazer um filme sobre as inseguranças e dúvidas que este novo corpo pode representar na vida de alguém que passa por uma transformação física radical.

O filme tem patrocínio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), e apoio da produtora 602 Filmes.

“Sons do Igarapé”

É o primeira curta-metragem do ator e diretor Victor Kaleb. O filme, que dialoga com o gênero musical, conta a história de um casal que vive em uma floresta, e em um determinado dia se depara com um ser sem nenhum pelo no corpo. A relação entre eles é cercada de desconfiança, mas, inevitavelmente, acabam se aproximando.

O filme vai iniciar sua trajetória em festivais a partir de 2019. Roteiro e direção são de Victor Kaleb, que também está no elenco, acompanhado de Fabiano Baraúna e Jessyca Paiva. O filme conta com o apoio da 602 Filmes e Fita Crepe.

Com informações da assessoria