De moto Biz a quase R$ 4 milhões: em quatro anos, bens do prefeito de Tapauá aumentaram mais de 65,7 mil por cento

blank

Foto: Reprodução

No período de quatro anos, em meio a escândalos de corrupção e até prisão, o prefeito do município de Tapauá (a 448 km da capital), José Bezerra Guedes (MDB), conhecido popularmente como ‘Zezito’, conseguiu o feito de ‘transformar’ seu patrimônio de uma motocicleta modelo Biz avaliada em R$5.500 (cinco mil e quinhentos reais) à época – atualmente consta na declaração de bens ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) que a moto vale R$1.000 (mil reais) – para quase R$ 4 milhões em bens, resultando no aumento de 65,7 mil por cento em seus bens, que envolvem até ações de uma empresa de navegação milionária. (ver declaração de bens do prefeito no final da matéria). O prefeito José Bezerra Guedes, o Zezito, é candidato a reeleição à prefeitura de Tapauá.

As informações capturadas pelo Radar durante buscas no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) , revelam que no período de 2016 até o presente momento, o prefeito Zezito, já transformado em réu na Justiça, adquiriu um lote de terras no KM 27 da BR-174 avaliado em R$70 mil (setenta mil reais); dois automóveis: um Geep Caminhoneta modelo 2019 de R$ 75 mil (setenta e cinco mil reais) e um Hyundai Creta de R$ 79,5 mil (setenta e nove mil e quinhentos reais); e teve participação societária de 98,8% na empresa ‘JJ Navegações LTDA’, inscrita no CNPJ 22.596.013/0001-18, cujo valor declarado é R$ 3,393,200 milhões (três milhões e trezentos e noventa e três mil e duzentos reais). Com isso, atualmente o prefeito que começou seu patrimônio com uma Biz tem agora R$3.618.704,40 (três milhões e seiscentos e dezoito mil e setecentos e quatro reais e quarenta centavos) em bens.

Esse crescimento patrimonial, o prefeito de Tapauá conseguiu com um salário R$16,500 (dezesseis mil e quinhentos reais por mês) por mês. Além de carros e terrenos, chama atenção a empresa milionária da qual Zezito é o sócio quase que exclusivo, tendo em vista que sobram pouco mais de 1% para o outro sócio, identificado como John Brendell Silva Guedes, que segundo fontes do Radar no município, é filho do prefeito.

Mesmo num passar de olhos em documentos, algumas coisas causam estranheza na empresa do prefeito. É de espantar que alguém que tinha apenas uma moto Biz de patrimônio tenha conseguido abrir uma empresa com capital social de R$ 9 milhões (nove milhões de reais). Outro fato surpreendente é que a empresa do prefeito, que antes era exclusivamente de atividades ligadas à navegação, de repente passou até a construir prédios.

Em agosto de 2017, a ‘JJ Navegação’ declarava sua atividade econômica principal como “transporte por navegação de interior de passageiros em linhas regulares, intermunicipal, interestadual e internacional, exceto travessia”, e as secundárias estavam ligadas exclusivamente às atribuições de transportes aquaviários como passeios turísticos e transporte de cargas. Nesta época, a empresa estava localizada na avenida Duque de Caxias, número 1145 no bairro Praça 14 de Janeiro, em Manaus.

Em documento emitido em setembro de 2020, a empresa aparece cm mudanças nas atividades secundárias, mantendo a primária do mesmo jeito. De competências exclusivas à área da navegação, a JJ Navegação passou a exercer atividades de construção civil como “Construção de Edifícios”, obras de urbanização e até comércio varejista de mercadorias alimentícias. Além disso, a sede mudou de endereço, agora se localizar na avenida Dr. Theomario Pinto da Costa, número 811 no bairro Chapada, também na capital, no conhecido e luxuoso prédio do Skye Platinum Office. (ver documentos da empresa no final da matéria)

Escândalos

blank

Foto: Divulgação

O enriquecimento impressionante do prefeito de Tapauá, Zezito Guedes se deu entre uma série de escândalos ocorridos durante sua gestão. Ele foi preso, em novembro de 2017, junto com vereadores do município, durante a operação ‘Tapauara’. O objetivo da operação Tapaura, segundo o Ministério Público do Amazonas (MPE-AM), foi desmontar um esquema de corrupção que vinha sendo realizado em Tapauá e resultou no desvio de aproximadamente R$ 64 milhões (sessenta e quatro milhões) dos cofres municipais, com aprovação de leis para esquemas fraudulentos e o pagamento do chamado ‘mensalinho’ aos vereadores – tanto o prefeito como os vereadores presos são candidatos à reeleição.

E enquanto o prefeito fazia a “mágica” de aumentar seu patrimônio em mais de 65,7 mil por cento, o Radar contou que o MP abriu inquérito civil, em janeiro deste ano, para apurar a inexistência de abrigo para o acolhimento de crianças e adolescente que sofrem abusos físicos e psicológicos.

O MP também descobriu e o Radar noticiou que o prefeito dá emprego pra tudo que é parente na prefeitura, entre eles três sobrinhos, dois cunhados e até a esposa.

Além disso, durante a pandemia da Covid-19 o prefeito gastou mais de RS 350 mil na compra respirador mecânico vendido por uma empresa de material de construção localizada na capital.

Até essa segunda-feira (28) o novo coronavírus resultou na morte de 971 moradores do município de Tapauá, conforme dados da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM)-

Salário x Declaração de Bens

Tendo em vista todos os apontamentos feitos pelos órgãos de controle e diante das evidências absurdas de um faturamento milionário durante sua gestão, a reportagem fez um levantamento do salário do prefeito no site da transparência do município de Tapauá e calculou quanto Zezito ganharia durante 4 anos se dependesse apenas de seu salário de R$16.500,00 (dezesseis mil e quinhentos reais) que com descontos, resulta em R$12 mil.

Calculando 48 meses que correspondem aos 4 anos de mandato do prefeito de Tapauá, com um salário mensal de R$16,5 mil, sem os descontos de impostos e como se Zezito não gastasse um centavo do salário, ainda assim ele só conseguiria juntar um total de apenas R$ 792 mil (setecentos e noventa e dois mi reais), muito distante do patrimônio milionário que possui.

Capital social da empresa 2017 e 2020

Folha de pagamento do prefeito

Lista de bens no TSE 2016 e 2020