Anúncio

Dedei Lobo é investigado pelo MPE por superfaturamento de obras públicas

O Ministério Público do Estado (MPE-AM) abriu inquérito civil para investigar o ex-prefeito do município de Humaitá (a 165 quilômetros de Manaus) José Cidenei Lobo do Nascimento, conhecido por “Dedei Lobo” por improbidade administrativa, no exercício de 2013. A portaria n°002/2018 que consta a informação foi publicada no Diário Oficial do MP, nessa quinta-feira (14).

A investigação foi instaurada pelo titular da Promotoria da Comarca de Humaitá, Fabrício Santos Almeida, em decorrência de “irregularidades em obras públicas realizadas no exercício de 2013 e respectivo superfaturamento, decorrentes dos processos licitatórios n.º 064/2013, n.º 1821/2012, n.º 1979/2012 e n.º 1978/2012”.

De acordo com a publicação, o promotor considerou dois pareceres (N° 1295/2015 e 2529/2015), ambos do Ministério Público de Contas do Estado do Amazonas (MPC -AM), além do Procedimento Investigatório Criminal n.º 3699/2016.

O MPE faz entender a necessidade de ampliar as investigações como forma de comprovar as irregularidades e superfaturamentos de obras. “Tendo em vista que a notícia de fato é antiga, datada de 03/10/2017, havendo necessidade de buscar comprovação das irregularidades e dos superfaturamentos de obras”, diz a portaria de abertura do inquérito civil.

Confira a portaria na íntegra