Anúncio Advertisement

Defensoras e defensores públicos recém-empossados atuarão no interior do Amazonas

O defensor público geral do Amazonas, Rafael Barbosa, informou que os defensores empossados, nesta quinta-feira (28), vão atuar no interior do Estado, que segundo ele, também precisa ser amparado. Ele informou ainda, que o primeiro município a receber os novos membros da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) será Parintins (a 369 quilômetros de Manaus), onde a estrutura já está sendo montada para funcionar como uma unidade-polo, estendendo a assistência jurídica gratuita também para cidades vizinhas ao município.

Rafael Barbosa destacou o apoio do Governo do Estado, da Assembleia Legislativa e das demais instituições do sistema de Justiça para os avanços que a Defensoria Pública experimenta. “Agradecemos o apoio do governador David Almeida que, ainda enquanto deputado, sempre foi muito sensível aos pleitos da Defensoria Pública. Não temos ainda o orçamento ideal para consolidar nossa presença no interior. Por isso, tenho orgulho em dar posse aos novos defensores, na certeza de que o trabalho e o comprometimento de cada um são o que podem nos fazer maiores”, ressaltou.

De acordo com o defensor, a unidade de Parintins deverá ser inaugurada em novembro deste ano. Barbosa destacou que a Defensoria Pública, também prepara realização de concurso público, com vagas para Manaus, Parintins e demais municípios que receberão unidades-polo: Tefé, Tabatinga, Humaitá e Itacoatiara.

O governador David Almeida destacou a contribuição do Estado para o crescimento da Defensoria Pública, ressaltando os esforços feitos para equilibrar as contas do Governo e movimentar a economia, com reflexos positivos na arrecadação de tributos e, consequentemente, nos repasses feitos para a Defensoria Pública.

Tomaram posse na manhã desta quinta-feira as defensoras públicas Denise D’Albuquerque Veiga Lima, Ellen Cristine Alves de Melo, Luise Torres de Araújo Lima, Lucyane Martins Brito Navarro e Natasha Yukie Hara de Oliveira e defensores públicos Marcos Roberto D’Agnessa Trippo, Sergio Enrique Ochoa Guimarães e Inácio de Araújo.

Fotos: Bruno Zanardo, Herick Pereira e Ascom/DPE-AM