Deputada se reúne com presidente do FSS para tratar de melhorias nos Conselhos Tutelares

Em reunião na tarde da última quarta-feira, 24 de maio, na sede da Prefeitura de Manaus, a deputada estadual Alessandra Campêlo (PMDB) se reuniu com a presidente do Fundo Social de Solidariedade (FSS), a primeira-dama do município, Elisabeth Valeiko, em busca de apoio para uma série de ações para modernizar o funcionamento dos nove Conselhos Tutelares da cidade e melhorar as condições de trabalho dos 45 conselheiros que atuam na capital.

A deputada destacou a boa vontade política da presidente do FSS, que prontamente acenou positivamente em atender as demandas dos conselheiros que ansiavam pela reunião com a Prefeitura.

Uma das pautas abordadas no encontro foi a liberação do tráfego na faixa azul de carros oficiais dos conselhos em serviço. A Procuradoria Geral do Município sugeriu o cancelamento da multa, caso isso aconteça, ressaltando, entretanto, a necessidade de comprovação junto à Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh) que o carro oficial estava de fato a serviço do conselho.

Os conselheiros também solicitaram a renovação da frota de carros do órgão, demanda que segundo o secretário Elias Emanuel e a subsecretária Mônica Santaella já está em processo de licitação.

Outra reivindicação dos conselheiros tutelares de Manaus é modernização da legislação que dispõe sobre a organização e funcionamento dos conselhos. Com a mudança na lei, que depende de articulação política na Câmara Municipal, será possível melhorar os salários dos conselheiros e também ampliar o número de conselhos, incluindo o da Zona Norte que tem uma das maiores demandas de atendimento na cidade.

Alessandra considerou a reunião um avanço, principalmente porque Elisabeth Valeiko garantiu empenho pessoal para resolver as principais reivindicações dos conselheiros tutelares.

“A reunião com a primeira-dama foi bastante produtiva, pois ela entende a importância dos conselhos tutelares para a garantia dos direitos das nossas crianças e adolescentes. Nesse sentido, melhorar as condições de trabalho dos conselheiros, que são os intermediários entre meninos e meninas em situação de vulnerabilidade social e órgãos, é essencial nessa que é uma política pública fundamental”, comentou a deputada.

Assessoria de Imprensa da deputada

Fotos: Jimmy Christian