Deputado ingressará com representações pedindo apuração nos contratos da saúde, entre eles com Ongs

luiz-castro-rede-dm-34-capa

O deputado estadual Luiz Castro (REDE) informou nesta terça-feira (27), na tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), que ingressará com representações no Ministério Público Estadual (MP-AM), Ministério Público Federal (MPF) e o Tribunal de Contas Estado (TCE-AM) solicitando a apuração de todos os contratos da saúde do Estado com empresas e organizações terceirizadas.

“Na tarde de hoje (27) vou entrar com uma representação no Ministério Público do Estado e Federal, solicitando investigação do TCE também, sobre todos os contratos com organizações não-governamentais no âmbito da Secretaria de Saúde, e contratos de empresas que atuam na contratação de profissionais de enfermagem e serviços gerais no âmbito da saúde estadual”, disse o parlamentar.

Para o deputado, depois que a Polícia Federal identificou irregularidades em contratos com a entidade Novos Caminhos, que presta serviços para o sistema estadual de saúde, os contratos de todas as outras entidades que prestam serviços terceirizados na saúde estão sob suspeição e precisam ser apurados.

“É muito importante que o MP e o TCE promovam uma investigação nos outros contratos, além daquele que alvo da investigação da PF, porque há suspeição sobre outros contratos de terceirização com o Estado. Que o TCE, MPF e MP façam uma força conjunta para apurar isso, a fim de evitar ou pelo menos sustar, uma sangria de dinheiro em uma área essencial para a população”, afirmou.