Dívidas de Amazonino serão enviadas para a Câmara municipal de Manaus

Plenario-Camara-Municipal-Manaus

Os  vereadores acabaram de aprovar, na sessão plenária de hoje (08), requerimento de autoria do líder do partido do prefeito Artur Neto, o PSDB, vereador Mário Frota, para envio de relatório financeiro sobre a administração do ex-prefeito Amazonino Mendes (PDT), onde devem estar descritas todas as dívidas deixadas pelo gestão anterior. Mário Frota, discursou da tribuna, em defesa de seu requerimento, lançando duras críticas ao ex-prefeito. “Temos que saber quem são os responsáveis por essa roubalheira, pela irresponsabilidade de deixar R$ 300 milhões em dívidas. E, quem vai pagar, por esse rombo, o povo?”, questionou Frota.

Diante da possível (e compreensível) indecisão de alguns vereadores  em votar favoravelmente e reabrir a polêmica discussão das dívidas deixadas pelo ex-prefeito (até porque grande parte dos vereadores fazia parte da bancada de apoio a Amazonino), Mário Frota partiu para o convencimento, no seu conhecido estilo de “carregar” em palavras nada amenas: “Analisando esses relatórios, estaremos cumprindo o nosso dever de fiscais do povo. Se abrirmos mão desse dever, é melhor fechar essa Casa e jogar a chave no meio do Rio Negro”. Pelo jeito, a verborragia de Mário Frota, surtiu efeito, ninguém se posicionou contrário a sua iniciativa e o requerimento foi aprovado

(Any Margareth)