Documentário ‘Chega de Fiu Fiu’ será exibido no Palacete Provincial

Neste sábado (23), será exibido o documentário brasileiro “Chega de Fiu Fiu”, que aborda temas como assédio e direito das mulheres aos espaços públicos nas cidades brasileiras, durante a primeira edição do “Cine Coletiva: Mulheres Urbanas”. O evento contará com intervenções artísticas gratuitas e roda de conversa, no Auditório Pedro Henrique Cordeiro Junior, no Palacete Provincial, localizado na Praça Heliodoro Balbi, Centro.

A exibição é realizada em Manaus pelo Grupo de Apoio de Mulheres Jovens (GAMJ), em parceria com o Coletivo Difusão, Baque Mulher Manaus e OcupaMinart. O objetivo do evento é trazer à tona inquietações sobre o machismo, racismo e transfobia que estão presentes a vida de mulheres no Brasil, além de fomentar as discussões sobre políticas públicas para mulheres da cidade.

O longa foi lançado no último dia 15 de junho, em São Paulo, em parceria do grupo Brodagem Filmes e a organização Think Olga, sob direção de Amanda Kamanchek Lemos e Fernanda Frazão.

O documentário narra a história de três mulheres: Raquel, Rosa e Teresa, moradoras de diferentes cidades brasileiras, que, por meio de ativismo, arte e poesia propõem novas formas de conviver no espaço público.

A campanha – A “Chega de Fiu Fiu” foi criada em 2013 pelo grupo “Think Olga” para lutar contra o assédio sexual em locais públicos. Atualmente, o site http://chegadefiufiu.com.br/ é utilizado para que mulheres de todo o País compartilhem suas histórias e denunciem caso que viram acontecer com outras mulheres.

Roda de Conversa – Na programação do “Cine Coletiva: Mulheres Urbanas” também haverá uma roda de conversa com as convidadas Simone Leal e Karine Okawa, arquitetas e urbanistas que falarão sobre a eficácia da participação feminina nas políticas públicas. O evento será gratuito e contará com a presença do Maracatu Baque Mulher Manaus e Mulheres in Rima.

Serviço

O quê: Documentário ‘Chega de Fiu Fiu’ será lançado no Palacete Provincial.
Quando: Sábado (23), a partir das 13h.
Onde: Auditório Pedro Henrique Cordeiro Junior, no Palacete Provincial, localizado na Praça Heliodoro Balbi, Centro.
Entrada: Gratuita.