Dos 359 gestores do Estado, apenas 11 já prestaram contas ao TCE

Foto: Divulgação TCE

De um total de 359 gestores públicos do Estado, apenas 11 já realizaram a prestação de constas da gestão financeira de 2019 ao Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM). Todos os outros gestores têm até 31 de março para encaminhar suas contas.

Das prestações encaminhadas eletronicamente, nove são de Câmaras Municipais e duas são de órgãos da administração indireta do interior.

As Câmaras Municipais que já enviaram a prestação ao TCE são a de Codajás, Fonte Boa, Maraã, Santo Antônio do Içá, Eirunepé, Maués, Parintins, Envira e Santa Isabel do Rio Negro, além do Serviço de Água e Esgoto de Parintins (SAAE) e o Instituto de Trânsito e Transporte de Itacoatiara.

Alerta aos gestores

Segundo o conselheiro-presidente do TCE-AM, Mario de Mello, a meta para este ano é atingir a meta de 100% de adimplência. Ele alertou, ainda, que a inadimplência ou a entrega em atraso pode gerar multa ao gestor, segundo o regimento interno do Tribunal.

Os gestores que tiverem dúvidas referentes ao envio da prestação de contas, podem acessar o manual eletrônico por meio do link http://www.tce.am.gov.br/portal/?page_id=21427 ou entrar em contato pelos suportes no e-mail: tcesuporte@tce.am.gov.br e os números de telefone: 3301-8118 ou 3301-8119.

(*) Com informações do TCE-AM