Duplo ataque a bomba deixa mortos no centro de Bagdá

Um duplo ataque suicida atingiu o centro de Bagdá, capital do Iraque, na manhã desta segunda-feira (15).

O número de vítimas é incerto. A última informação disponível, divulgada por uma autoridade do Ministério do Interior, é que 27 pessoas morreram e 64 ficaram feridas, de acordo com a Reuters. Pouco antes, fontes médicas e policiais disseram à agência EFE e à BBC que há ao menos 36 mortos e 91 feridos.

Os dois ataques, efetuados por terroristas com cintos explosivos, ocorreram de forma quase simultânea na praça Al Tayarán. Forças de segurança fizeram um cordão de isolamento no local após o ocorrido.

A praça Al Tayaran é uma importante zona comercial de Bagdá e um ponto de encontro para os trabalhadores que se reúnem ali desde o início do dia em busca de oportunidades. O local já foi alvo de ataques, muitos deles letais, em diferentes ocasiões.

Várias ambulâncias chegaram ao local do atentado, para onde foi mobilizado um forte dispositivo de segurança.

Nenhum grupo assumiu a autoria do ataque até o momento.

Este é o segundo atentado em três dias na capital iraquiana. Nesse sábado (13), três pessoas morreram e 10 ficaram feridas após a explosão de um carro-bomba na região de Al Kademiya, ao norte de Bagdá.

O Iraque declarou no mês passado vitória sobre o Estado Islâmico, grupo que chegou a controlar quase um terço do território do país há três anos, mas os militantes continuam a realizar ataques em diferentes partes do país.

Fonte: G1