E o povo foi pra rua em Coari!

Bem que tentaram impedir a manifestação “Coari Clama por Justiça”, realizada em repúdio ao abuso sexual de crianças e adolescentes e em apoio às vítimas, nesta quarta-feira (05) em Coari. O Departamento de Trânsito de Coari (Detrac) chegou momentos antes da manifestação, e disse aos organizadores do ato público que a caminhada pelas ruas de Coari só seria liberada após o Movimento de Mulheres de Coari e o Conselho de Cidadãos Coarienses apresentarem uma lista de documentação que atestasse a legalidade dessas entidades.

Mas, os líderes do movimento questionaram o fato do pedido estar sendo feito em cima da hora e da visível manobra para que a manifestação não fosse realizada. Eles garantiram que o ato público seria feito, não importando a proibição do Departamento de Trânsito da Prefeitura. Dito e Certo. A manifestação foi realizada levando às ruas de Coari cerca de duas mil pessoas, entre motoqueiros e cidadãos que fizeram o percurso a pé, empunhando bandeiras brasileiras e bandeiras de Coari, gritando palavras de ordem pedindo Justiça e punição aos pedófilos. Um carro de som reproduzia as escutas da Polícia Federal que foram veiculas em matérias de televisão. O grito mais repetido durante a manifestação foi “vem pra rua, Coari” e, num segundo momento, “Cadê os vereadores de Coari?, cobrando um posicionamento dos representantes do povo de Coari que ainda não se manifestaram uma única vez sobre o escândalo que envolve o prefeito da cidade.

Para os leitores do Radar, imagens de como foi a manifestação do povo de Coari.

IMG-20140205-WA0013IMG-20140205-WA0019IMG-20140205-WA0023IMG-20140205-WA0007IMG-20140205-WA0008IMG-20140205-WA0011IMG-20140205-WA0014IMG-20140205-WA0016IMG-20140205-WA0018IMG-20140205-WA0020IMG-20140205-WA0022