Eduardo fala de política fiscal, segurança e empregos para o comércio

Política fiscal, segurança pública, geração de emprego. Esses foram os temas tratados pelo candidato a governador Eduardo Braga (PMDB), durante encontro realizado na noite desta sexta-feira (18), na sede da entidade, no Centro de Manaus. O evento contou com a participação de representantes do setor empresarial do estado e membros Associação Comercial do Amazonas (ACA).

Eduardo reconheceu a importância do comércio na geração de postos de trabalho e lamentou as políticas adotadas nos últimos governos, que agravaram o estado de crise na qual o Amazonas se inseriu. “A média de desemprego nacional é 14%. A de Manaus é 22%. Isso é uma questão de gestão”, defendeu.

O candidato enfatizou que a redução do ICMS de itens da cesta básica e de combustível, que incentiva o consumo, além da retomada das obras do estado que estão paralisadas na capital e no interior, terão papel importante na recuperação da economia e do emprego.

“Essas obras geram emprego não apenas na obra em si, mas no fornecimento de insumos, no transporte de materiais, etc. E muitas vezes são obras que já tem financiamento aprovado. O Prosamim, por exemplo, tem financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), e há etapas que estão paradas há 7 anos”, relembrou.

A escalada do crime organizado e da violência urbana no Amazonas também foi tema do encontro.

“Sabemos que muitos de vocês têm empreendimentos que já foram assaltados dezenas de vezes. Precisamos voltar a ter mais policiais nas ruas, investindo no policial, equipando a polícia, acabando com os super-contratos de empresas como a Umanizzare”, disse Eduardo.

Fotos: Divulgação 

Assessoria de Comunicação

Esta matéria é de total responsabilidade do candidato