Eduardo vai consultar comunidade acadêmica para reformular o projeto da cidade universitária da UEA

O projeto de cidade universitária da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) será reformulado com a participação de toda a comunidade acadêmica. Foi o que garantiu o candidato Eduardo Braga durante entrevista na rádio Rio Mar, na manhã desta segunda-feira (17).

“Vamos lançar o assunto para ser discutido entre professores, estudantes, técnicos e servidores da UEA para que o projeto seja o ideal para toda a comunidade acadêmica. Assim, teremos um projeto horizontal e não uma ideia desconexa imposta de cima para baixo”, afirmou Eduardo, respondendo a uma pergunta da equipe de reportagem da rádio.

A ideia, que já está lançada por Eduardo na campanha eleitoral, é aproveitar o pouco que já foi feito em Iranduba para construir o Campus de pesquisa e extensão da UEA. “Em Manaus, podemos construir o Campus de Graduação bem mais perto da comunidade acadêmica. Mas essa decisão será tomada em um plebiscito interno, por quem realmente faz parte da vida da instituição”, explicou.

INTERIOR

Respondendo a uma pergunta da Repórter Anderleia Oliveira, direto do Careiro do Castanho, Braga falou sobre a situação das estradas vicinais no interior e a importância dessa infraestrutura para o crescimento do setor primário. “Nossa meta é asfaltar mil quilômetros de estradas vicinais para viabilizar o escoamento da produção agrícola no Estado. Precisamos fazer isso o quanto antes, sob pena do nosso produtor ter grandes prejuízos com a perda de seus produtos”, disse Eduardo Braga.

O candidato lembrou que, enquanto senador da República e relator do orçamento da União, conseguiu destinar recursos para aquisição de patrulhas mecanizadas que ajudarão os pequenos produtores dos municípios amazonenses.

Foto: Divulgação

Assessoria de Comunicação

Esta matéria é de total responsabilidade do candidato