Eliminatórias: Itália empata e fica fora da Copa

Não deu! Mesmo jogando com um San Siro lotado, torcendo para a seleção local, a Itália apenas empatou por 0 a 0 com a Suécia, em Milão, e deu adeus às chances de disputar a Copa do Mundo de 2018, após ter perdido a partida de ida da repescagem nas eliminatórias europeias por 1 a 0. Essa é a primeira vez desde 1958, quando o Mundial foi disputado justamente na Suécia, que os italianos ficam de fora.

Durante todo o jogo, a Itália pressionou, mas sem qualidade. Os suecos aproveitavam os contra-ataques e muitas vezes eram mais perigosos que os donos da casa. Os italianos, comandados por Giampiero Ventura, estiveram nervosos durante toda a partida e acabavam cometendo falhas no ataque, como faltas sem necessidade em bolas levantadas na área. Quando acertavam, o goleiro Olsen brilhava. Houve também muitas reclamações de pênalti, ignoradas pela arbitragem.

O “Tuttosport” classificou o empate com a Suécia como “maldito”. A publicação ainda destaca o choro de Buffon após o tropeço da seleção italiana e o pedido de desculpa do goleiro por conta da campanha que deixou a Itália fora da Copa do Mundo de 2018.

Outra importante publicação esportiva italiana, o “Corrierre dello Sport” deixou a seguinte manchete em sua edição online: “Itália fora do Mundial”. O “Corriere della Sera” demonstrou toda sua indignação com a situação da seleção italiana: “Estamos fora da Copa do Mundo”, “Ventura: demissão iminente”, “A catástrofe em sete pontos”, e “Azzurra em lágrimas” foram alguns dos destaques da publicação.

Fonte: Veja