Em Itacoatiara, operários da obra do CETI tocam fogo em protesto pelo não pagamento dos salários há seis meses

Incêndio madeira 1

A obra se arrasta desde 2011. O anúncio da construção do Centro de Educação de Tempo Integral (CETI),em Itacoatiara, foi feito no dia 13 de junho de 2011 pelo então governador Omar Aziz (PSD) e o prefeito do município, Mamoud Amed (PSD), um anúncio feito com o maior estardalhaço na imprensa local. Nesta quinta-feira (11), operários que trabalham na construção do CETI, em protesto porque não recebem seus salários há seis meses, atearam fogo no material de construção da obra. Eles ainda denunciam terem tomado conhecimento de que serão dispensados sem pagamentos dos salários atrasados e nem de seus direitos trabalhistas.

Na época do anúncio da obra de uma escola de tempo integral em Itacoatiara veja o que disse o então governador Omar Aziz à imprensa: “A construção de um Ceti em Itacoatiara possibilitará a utilização de áreas de atividades esportivas, como a piscina, para realização de terapia de reabilitação de portadores de deficiências. Cada Ceti, que recebe investimento da ordem de R$ 6 milhões, conta com 24 salas de aulas climatizadas, laboratórios de informática e ciências, quadra poliesportiva, piscina semi-olímpica, auditório, sala para atendimento odontológico, cozinha, refeitório, campo de futebol, sala para atividades de dança e ambientes administrativos”.

E o discurso bonito do então governador Omar Aziz, não passa de um “esqueleto”, com a estrutura de fundição da obra, e uma placa, como de costume – será que ele está contabilizando também essa escola de tempo integral na sua propaganda política, onde ele diz que dobrou o numero desse tipo de unidade de ensino? (Any Margareth)

Incêndio madeira 2