Em Manaus, mais de 14 mil pessoas de 18 anos foram vacinadas no mutirão de vacinação contra a Covid-19

vacinação covid-19

Foto: Camila Batista/Semsa

Nos dois dias de intensificação da campanha de vacinação contra a Covid-19, na quarta e quinta-feira, 21 e 22/7, a Prefeitura de Manaus registrou 14.342 pessoas de 18 anos vacinadas com a primeira dose. Esta é a última faixa etária definida pelo Ministério da Saúde no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 e Manaus é uma das primeiras capitais brasileiras a alcançar esse público.

Dados do Departamento de Informação, Controle, Avaliação e Regulação (Dicar), da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), apontam que em Manaus 43.299 cidadãos estão na faixa de 18 anos. Destes, 1.580 haviam recebido a primeira dose anteriormente por estarem em grupos mais vulneráveis. Do resíduo de 41.719, ainda restam 27.377 pessoas nessa idade.

Outra faixa iniciada na última semana, no dia 16/7, a de 19 anos, já computa 16.395 primeiras doses aplicadas. A população estimada nesta faixa é de 39.460 pessoas, sendo que 12.877 já receberam uma dose em grupos de comorbidades. Com isso restam, aproximadamente, 10 mil a comparecem aos pontos de vacinação.

A secretária da Semsa, Shádia Fraxe, avalia como positivos os resultados da campanha e das mobilizações para vacinar a população. “Temos tido um desempenho muito bom nesses seis meses de vacinação contra a Covid em Manaus. Já chegamos à última faixa de idade definida pelo Programa Nacional de Imunização, que é a de 18 anos. Há capitais que ainda estão na casa dos 30, 35 anos. O prefeito David Almeida é um dos mais empenhados no objetivo de alcançarmos o maior número possível de pessoas vacinadas e tem assegurado total apoio à nossa coordenação. Mas, para isso, é fundamental que o público apto a ser vacinado procure nossos postos, é um apelo que fazemos pelo bem de todos”, alertou.

Shádia Fraxe destacou que o monitoramento da campanha indica que em três faixas etárias – 50 a 54, 55 a 59 e 60 e mais, a Semsa já conseguiu ultrapassar a meta de 90% do público total estimado, com base na estimativa do Dicar/Semsa, com percentuais de 102,3%, 121,35% e 153,73% respectivamente. “Temos grupos nos quais estamos perto de alcançar os 100%, que são os de 40 a 44 anos, com 94,9%, e de 45 a 49 anos, com 99,6%. Nosso empenho é exatamente para vacinar a população mais jovem, dos 18 aos 39 anos”, contou.

Resultados da intensificação

Na quarta intensificação realizada pela prefeitura foram aplicadas 74.301 doses, entre primeira e segunda, no público de 18 anos e mais e remanescentes de outros grupos que não compareceram nas datas agendadas pelo Imuniza Manaus.

No dia 21, a Semsa disponibilizou oito unidades de saúde que, juntas, no período de funcionamento (9h às 16h) registraram 7.650 doses. Nos quatro pontos tradicionais da campanha, que também funcionaram das 9h às 16h (Studio 5, shopping Phelippe Daou, Centro de Convenções Padre Pedro Vignola e Clube do Trabalhador do Sesi), foram aplicadas 10.341 doses e nos três grandes, que ficaram abertos das 9h à meia-noite (Arena, Vasco Vasques e sambódromo) responderam por 20.705 doses. Neste dia também houve vacinação em quatro Unidades Básicas de Saúde Rural, com 84 doses aplicadas, totalizando 41.935 doses.

No dia 22, foram abertas sete UBSs, que aplicaram 4.763 doses; quatro postos tradicionais, com 9.731 doses aplicadas, e os três postos centrais, com 16.309 doses. O sistema da Semsa registrou, ainda, vacinação da população privada de liberdade, que é operacionalizada pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), com 1.629 doses aplicadas. Ao todo, no dia 22, foram administradas 32.366 doses.

Neste final de semana, não haverá vacinação. O atendimento será retomado na segunda-feira, 26/7, em locais a serem divulgados pela Semsa.

(*) Com informações da assessoria