Em nota oficial, presidente do PSB nega que partido tenha contratado “pesquisa fraudada”

Em nota oficial, presidente do PSB nega que partido tenha contratado “pesquisa fraudada”O presidente do PSB, vereador Marcelo Serafim, enviou nota ao Radar negando tacitamente que o partido tenha alguma responsabilidade sobre uma pesquisa de intenção de votos que teria sido feita por um tal “Instituto Activa”. O resultado da dita pesquisa tomou conta das mídias sociais, onde os candidatos do PSB aparecem com altos índices de votação, entre eles o candidato ao Governo da sigla, o deputado estadual Marcelo Ramos, que já teria atingido 12% das intenções de voto. Levando em consideração esses percentuais, o responsáveis pelas postagens na internet afirmam que haverá segundo turno nas eleições para o Governo.

Marcelo Serafim diz na nota: “Recebi de várias pessoas uma pesquisa do “Instituto ACTIVA” supostamente contratada pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB). Informo que enquanto presidente do partido jamais contratei nenhum instituto de pesquisa para levantar nenhum tipo de dados no Amazonas. Solicito que se receber esse dado FRAUDULENTO, não retransmita  e desconsidere. Vamos vencer de forma limpa e não com o jogo sujo de pesquisas FRAUDADAS!”.