Em Tabatinga, mulher presa com 16 quilos de drogas, tinha até explosivos em casa

Tabatinga 16 quilos

Ingrid Flores Santos, 26, acusada de envolvimento com o tráfico de drogas em Tabatinga, município distante 1.108 mil quilômetros em linha reta de Manaus, foi presa em operação policial realizada, nessa quarta-feira (19), por volta das 13hs, pelos investigadores da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Tabatinga, em parceria com servidores do 8º Batalhão da Polícia Militar (8º BPM), comandados pelo major Herlon Gomes. A mulher tinha um verdadeiro arsenal em casa, onde até granadas foram encontradas.

De acordo com o delegado de Tabatinga que esteve a frente da operação, Jony Leão, eles chegaram até ela após o recebimento de denúncias anônimas, informando que a mulher comercializava entorpecentes no lugar. “Saímos em diligência para checar a veracidade das informações recebidas e conseguimos efetuar o flagrante. O fato ocorreu na casa onde ela morava, no bairro GM3”, explicou a autoridade policial.

No local, segundo os policiais que participaram da ação, foram encontradas armas, drogas e artefatos explosivos. “Apreendemos com Ingrid 16 kg de drogas, entre cocaína e maconha; oito granadas, um revólver calibre 22 com nove cartuchos, uma pistola calibre 380 e uma caixa contendo cartuchos de munição calibre 16”, disse o delegado Jony Leão.

O titular da DIP de Tabatinga declarou ainda que as investigações em torno do caso devem continuar para descobrir onde as granadas foram compradas e para qual finalidade seriam utilizadas. Ingrid foi autuada em flagrante por tráfico de drogas, porte ilegal de arma e porte ilegal de arma de uso restrito.  Ao término dos procedimentos cabíveis na delegacia ela será levada ao presídio de Tabatinga, onde ficará à disposição da Justiça.