Empresária é assassinada a tiros após sofrer ameaça no Novo Aleixo

Foto: reprodução

Após sofrer diversas ameaças do ex-namorado, a empresária Gisele Castro de Azevedo, de 25 anos, foi vítima de homicídio na tarde desta terça-feira (2). O crime aconteceu por volta das 15h30, quando um homem armado tirou a vítima a força de dentro do mercadinho no qual ela é proprietária, e atirou diversas vezes. O atentado ocorreu na rua Bijogó, bairro Novo Aleixo, na zona Norte da capital.

Testemunhas relataram aos policiais militares da 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) que o suspeito atirou pelo menos cinco vezes na vítima, nas regiões do peito e rosto. Gisele foi levada as pressas para o Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, mas ela veio a óbito na unidade de saúde.

O delegado Charles Araújo, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), foi até o local do crime junto com a equipe de investigadores para apurar mais informações do caso.

“Ainda é cedo para tirarmos qualquer conclusão do caso. Precisamos ouvir testemunhas, familiares e amigos para traçar o perfil dela, saber quem pode ser um possível autor, entender a motivação e assim começarmos a apontar suspeitos”, contou a autoridade policial.

O corpo da mulher foi retirado do necrotério do João Lúcio pelos agentes do Instituto Médico Legal (IML). Até o momento da publicação desta matéria ninguém foi preso pelo crime.