Enquanto governo Federal, Municipal e Estadual fazem discurso político, pacientes morrem na espera de um leito nos hospitais