Entrega da declaração do IR 2018 começou nessa quinta-feira

O programa gerador das declarações do Imposto de Renda Pessoas Física 2018, ano base 2017, foi liberado na manhã dessa quinta-feira (1), no site da Receita Federal. Além do portal, o contribuinte pode declarar por meio de aplicativos, tabletes e Smartphone. O prazo será encerrado no dia 30 de abril.

O supervisor do Imposto de Renda, Joaquim Adir, estima que 28,8 milhões de contribuintes deverão enviar à Receita Federal a declaração. “E importante não deixar para os últimos dias, porque as dúvidas aparecem quando a gente vai começar a fazer. Só aí o contribuinte percebe os documentos que estão faltando”, disse, em entrevista ao G1.

O contribuinte pessoa física que não entregar a declaração no prazo pagará multa de 1% do imposto devido por mês de atraso ou de R$ 165,74, prevalecendo o maior valor. A multa máxima equivale a 20%, caso o contribuinte atrase a entrega por 20 meses.

Quem deve declarar

Estão obrigadas a entregar a declaração este ano, as pessoas físicas que ganharam, em 2017, R$ 28.123,91 em rendimentos tributáveis. Isso equivale a R$ 2.343,66 por mês, excluindo o décimo terceiro salário, que tem tributação própria.

Devem declarar ainda:

– Quem recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, acima de R$ 40 mil em 2017

– Quem obteve, em qualquer mês do ano passado, ganho de capital na venda de bens ou fez operações no mercado de ações

– Quem obteve, em qualquer mês do ano passado, ganho de capital na venda de bens ou fez operações no mercado de ações

– Quem tem patrimônio individual acima de R$ 300 mil e proprietários rurais que obtiveram receita bruta acima de R$ 142.798,50.

Fonte: Notícias ao Minuto