Entrega do Conjunto Cidadão Manauara 2 pode ser antecipada

Alex Pazuello/Semcom

Os 500 apartamentos populares do conjunto residencial Cidadão Manauara 2, etapa A, no bairro Santa Etelvina, zona Norte, já estão praticamente prontos, faltando alguns trabalhos de acabamento. De acordo com a empresa responsável pelo serviço, 70% da obra está concluída e o prazo de entrega, previsto para o segundo semestre de 2019, pode ser antecipado.

A Prefeitura de Manaus vai selecionar 800 pessoas de seu cadastro de habitação para enviar à Caixa Econômica Federal, que financia a obra, de onde sairão os 500 beneficiados por uma unidade.

“Vim de surpresa, cheguei na hora do almoço e conversei com alguns trabalhadores, a quem agradeci muitíssimo pelo ritmo dos trabalhos. É graças ao esforço deles que a obra está bem avançada e, tudo indica, poderemos entregar os imóveis ainda no primeiro semestre deste ano”, afirmou o  prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, após visita no local, nesta segunda-feira (11).

O prefeito também acompanhou os trabalhos que estão sendo realizados pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) na área que será destinada aos equipamentos institucionais, como escola, unidade de saúde, estacionamento, além da infraestrutura completa da via de acesso. O local está recebendo aterramento, com aproximadamente dez mil metros cúbicos de barro.

“Já estamos tocando, firmemente, a etapa B. Esse movimento de terra é para prepararmos a área institucional e vamos elevar o nível até que o terreno esteja plano. Serão construídas duas escolas, uma de educação infantil e outra de ensino fundamental, além de uma Unidade Básica de Saúde. Nós temos a empresa concessionária de água já preparada para o abastecimento dos futuros moradores”, disse Arthur Neto.

Habitação

A Prefeitura de Manaus já entregou aproximadamente mil unidades habitacionais, com o conjunto residencial Cidadão Manauara 1 e com o Prourbis, além de mais de oito mil títulos de regularização fundiária. Agora, além das mil unidades da etapa A e B do Manauara 2, o prefeito já pensa na terceira etapa.

“Espero que a primeira etapa seja entregue ainda no primeiro semestre de 2019 e algum tempo depois a segunda etapa. O antigo Ministério das Cidades se comprometeu conosco que já tinha recurso separado para a etapa três e, portanto, vamos avançando no nosso projeto habitacional”, afirmou o prefeito.