Esmam firma convênio com Faculdade Santa Teresa para aperfeiçoamento de profissionais

A Escola Superior da Magistratura do Amazonas (Esmam) e a Faculdade Santa Teresa (FST) assinaram um termo de cooperação técnica, jurídico-científica e pedagógica para o desenvolvimento de projetos visando o aperfeiçoamento no estudo do Direito aos acadêmicos da instituição de ensino e profissionais do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM).

O documento foi assinado pelo diretor da Esmam, desembargador Flávio Pascarelli, e a mantenedora da FST, Maria do Carmo Seffair Lins de Albuquerque, com a presença da ministra do Superior Tribunal Militar (STM) Maria Elizabeth Guimarães Teixeira Rocha.

“Trata-se de um convênio guarda-chuva que vai abarcar inúmeros projetos de graduação, pós-graduação, jornadas e pesquisas. Além disso, a FST irá compartilhar com a Esmam desde biblioteca até acervos online, além de eventos com grandes nomes em âmbito nacional, o que é de extrema importância para a formação dos nossos alunos”, explicou a professora e coordenadora do curso de Direito da FST, Lúcia Viana.

O desembargador Flávio Pascarelli disse que o convênio aproxima a academia da magistratura. “Entendo que, desde os primeiros anos de estudo, o aluno de Direito já precisa ter contato com diversas ideias. A FST tem uma proposta inovadora nesse sentido e cada um de nós pode fazer a sua parte, contribuindo para que o ensino e a prática jurídica no Amazonas se tornem melhores”, disse Pascarelli.

Com informações do TJAM.