Ex-diretor do Detran e pré-candidato a deputado federal distribui capacetes para mototaxistas (veja vídeo)

Foto: Radar Amazônico

O ex-diretor do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-Am) e aliado do Governador Wilson Lima (UB), Rodrigo de Sá Barbosa, foi flagrado, na Arena da Amazônia, na manhã desta terça-feira (31), distribuindo para mototaxistas capacetes comprados com recursos públicos destinados ao programa “Motociclista Legal”.

Mesmo que esteja contrariando preceito legal que proíbe o uso de programas públicos de distribuição de bens e serviços para se promover politicamente, o ex-diretor do Detran e pré-candidato a deputado federal, delegado Rodrigo de Sá Barbosa (PL) diz que “não vê nada de errado”, relembra que foi ele que criou o programa quando estava a frente do Detran. Ele usa o evento também pra enaltecer publicamente o governador Wilson Lima.

E o delegado parece não ver mesmo nada de errado em usar programas públicos para promoção política, já que ele ainda posta em suas redes sociais essas atividades de distribuições de capacetes e coletes. Ele aparece em um dos vídeos acompanhado do governador Wilson Lima (União Brasil).

Também está nas redes sociais do delegado a confirmação da pré-candidatura para a Câmara dos Deputados.

Vale ressaltar que o ato realizado vai o contra artigo 11, da Lei n.º 8.429, de 02 de junho de 1992, onde fica determinado que pode ser considerada improbidade administrativa: “XII – praticar, no âmbito da administração pública e com recursos do erário, ato de publicidade que contrarie o disposto no § 1º do art. 37 da Constituição Federal, de forma a promover inequívoco enaltecimento do agente público e personalização de atos, de programas, de obras, de serviços ou de campanhas dos órgãos públicos”.

Um fato que chamou a atenção é que Rodrigo de Sá justificou sua presença na Arena participando das atividades do programa “Motociclista Legal”, afirmando fazer parte da Casa Civil do governo do Amazonas, mas o Radar não encontrou o nome do delegado na lista de servidores.

“Sou ex-diretor do Detran Amazonas. Na verdade eu vim aqui prestigiar a categoria, pois foi uma ação do governo e ainda estou lotado no governo, na Casa Civil.”, afirmou ele durante a entrega de capacetes.

Porém, bom lembrar que o delegado não poderia fazer parte do Executivo estadual, já que é obrigatória a desincompatibilização dos cargos no governo para poder ser candidato nas eleições deste ano.

“Hoje, serão entregues dois capacetes e dois coletes para os nossos 2500 mototaxistas regularizados. Da outra vez já haviam entregado 1500, na primeira remessa, sendo entregues aos mototaxistas regularizados”, afirmou Ricardo Castro, um dos agraciados.

Outros atos

O uso da máquina pública para autopromoção vem virando rotina no governo Wilson Lima, após o governo criar diversos programas que estão sendo utilizados para ganhos políticos.  No último dia 28 de maio, o prefeito Raylan Barroso de Alencar (DEM) promoveu uma distribuição de cestas básicas na cidade em pleno ano eleitoral com a presença de pré-candidatos à reeleição no Congresso Nacional, como o senador Omar Aziz (PSD), cuja cadeira no Senado está em disputa no próximo pleito estadual, assim como parlamentares do PSD de Omar, os deputados federais Marcelo Ramos e Sidney Leite.

Vale lembrar que ontem (30), o ex-secretário municipal de Limpeza Pública, Sabá Reis, aliado de primeira hora do prefeito de Manaus, David Almeida, ambos do partido Avante, foi flagrado fazendo promoção política e partidária em locais onde estão sendo feitas obras ou sendo realizados serviços da prefeitura de Manaus, em obras e serviços feitas com dinheiro público. Mesmo sendo pré-candidato e não tendo mais cargo na prefeitura, ele continua participando das agendas oficiais da Prefeitura de Manaus, e de quebra, fazendo propaganda do partido que ele e o prefeito são filiados, o Avante.