Família Câmara perde eleição à presidência da Assembléia de Deus

pastor-samuel-camara

O irmão do deputado federal Silas Câmara, pastor Samuel Câmara, perdeu pela terceira vez a eleição para presidir a maior denominação evangélica do País, a Assembleia de Deus. Samuel Câmara é o dirigente da igreja em Belém, no Pará. O pastor José Wellington, que há 22 anos está no cargo, foi eleito para mais quatro anos, com 9.003 votos. Samuel Câmara teve 7.407 votos. A eleição foi realizada nesta quinta-feira (11), em Brasília. Ao todo, foram 16.747 votos, sendo 7.407 para Câmara, 162 em branco e 175 nulos Foi a segunda vez, em 12 anos, que a escolha do presidente da Assembleia de Deus aconteceu em Brasília.

A eleição foi realizada no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade. A convenção geral começou no dia 8 e se encerra nesta sexta (12), prazo máximo para divulgação do resultado da votação. A cerimônia de posse do eleito vai ser realizada ainda no último dia do evento.

A Assembleia de Deus tem cerca de 12 milhões de fiéis e um patrimônio que inclui uma editora, uma fundação educacional, hospitais e creches. Além da eleição, durante o encontro são promovidos estudos bíblicos e cultos, estes últimos abertos ao público em geral.