Famílias atingidas pela cheia recebem auxílio no Amazonas

Aproximadamente 38,6 mil pessoas dos municípios de Guajará, Ipixuna, Eirunepé, Itamarati e Carauari atingidas pelas cheias dos rios serão beneficiadas com a ajuda humanitária enviada pela Defesa Civil do Amazonas, por meio da 1ª fase da Operação Enchente 2019.

Ao todo serão enviadas mais de 8.731 mil cestas básicas, 5.136 kits (rede, lençol e mosqueteiro), 514 jogos de cama, 514 travesseiros, 5.136 kits de limpeza, 514 colchões, 20.544 kits de higiene, além da grande novidade com o projeto Salta-z.

Segundo o órgão, também foi investido cerca de R$ 2.2 milhões para os cinco municípios que compõem a calha do Juruá.

A segunda balsa deve sair nesta sexta-feira (12), com destino à calha do rio Madeira. Os mantimentos que serão enviados vão atender os municípios de Apuí, Borba, Humaitá, Manicoré, Novo Aripuanã e Nova Olinda do Norte, beneficiando 42.625 pessoas.

A Defesa Civil faz um acompanhamento diário da subida dos rios através do Centro de Monitoramento e Alerta (Cemoa) para monitorar e programar o envio de ajuda humanitária.

O órgão conta com o apoio e parceria do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), Secretaria Estadual de Assistência Social (Seas), Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM), Casa Civil do Governo e Polícia Militar do Amazonas (PMAM).

Com informações da assessoria da Defesa Civil.