Festas clandestinas marcam fim de semana em Manaus

Imagem: Carlos Soares/SSP-AM/Divulgação

Na madrugada do último domingo (10), três festas clandestinas foram fechadas pelo Núcleo Especializado de Operações de Trânsito (NEOT) vinculado ao Departamento de Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), nos bairros Dom Pedro, zona Centro-Oeste, e Cidade Nova, zona Norte. Em duas das casas de eventos, aconteciam festas de swing, quando casais fazem trocas de parceiros.

Na boate Clã Night, no Dom Pedro, haviam aproximadamente 60 pessoas, a portas fechadas, consumindo bebidas alcoólicas. O proprietário não foi encontrado. Em outro ponto do bairro, foi encerrada uma festa com 12 pessoas. Já na Cidade Nova, 15 pessoas tiveram que retornar para suas casas. No Jorge Teixeira, o Detran-AM também deu fim a um encontro de motociclistas realizado em um bar, onde foram recolhidas sete motos irregulares.

Os pontos de festa clandestina foram identificados por meio da ronda do Detran-AM para definição de postos de barreira para fiscalização da Lei Seca.

Autuações

Dezesseis estabelecimentos das zonas Centro-Sul e Oeste receberam vistorias da Central Integrada de Fiscalização, vinculada à Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), com o intuito de garantir que o decreto estadual estava sendo praticado. O bar Sr. Beef, no Aleixo, foi autuado por descumprir o decreto, pois estava funcionando com atendimento ao público.

No sábado (9), cinco flutuantes foram fiscalizados na orla de Manaus. Quatro deles estavam fechados, funcionando somente o flutuante da Doró, onde lanchas estavam atracadas e pessoas faziam suas refeições, saindo do conceito de delivery ou coleta, permitidos pelo governo. O proprietário recebeu advertência.