Gari é morto por assaltantes enquanto trabalhava no Japiim (ver vídeo)

De acordo com a Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), o gari trabalhava na empresa Marquise Ambiental há oito meses

gari morto

Foto: Divulgação

O gari Aldenir Rodrigues Castilho, 25, foi morto por assaltantes na travessa S6, no bairro do Japiim, na noite dessa terça-feira (26). Ele foi morto no momento em que retirava o lixo da rua.

A vítima foi abordada por homens não identificados que estariam cometendo assaltos na região. O gari se assustou e foi baleado na região do peito, os suspeitos fugiram sem serem identificados.

Aldenir chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, mas não resistiu e morreu na unidade hospitalar.

De acordo com a Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), Aldenir trabalhava na empresa Marquise Ambiental há oito meses e a vítima deixa dois filhos.

As câmeras de vigilância na região chegaram a filmar o trabalhador em seus últimos momentos em vida, mas não filmaram a ação dos criminosos.

Moradores no local comentaram que os outros garis que estavam trabalhando com Aldenir não perceberam que ele foi baleado inicialmente, apenas quando os populares avisaram os funcionários que eles perceberam a situação.

O corpo do gari foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) e a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Confira o vídeo

Após a morte, o Instituto Médico Legal (IML) foi acionado e removeu a vítima da unidade hospitalar. Segundo informações extra-oficiais, os familiares da vítima ainda não haviam chegado no local até a manhã desta quarta.

Além dos peritos do IML, a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) também foi acionada para os procedimentos iniciais. Ela agora assume as investigações do caso e até o momento ninguém foi preso.