Grupo de ciclistas ajudam pessoas a ter qualidade de vida

Foto divulgação

Um grupo de ciclistas se reúne semanalmente para pedalar nas ruas de Manaus com intuito de incentivar outras pessoas a praticar atividades físicas. Há quatro anos todas as segundas e quartas-feiras eles se concentram na Djalma Batista e seguem rumo para um destino de acordo com a experiência dos integrantes.

O projeto denominado “Divas que pedalam” une pessoas de todas as idades para partilhar o amor pelas duas rodas.

Claudia Leite é a líder do projeto, ela patricava atletismo com o grupo “Divas que Correm”, então decidiu criar o projeto de nome semelhante para a categoria que pedalava pudesse ser inserida. Logo no início ela teve uma surpresa com a quantidade de pessoas que apareceu para participar.

“Somos um grupo de amadores que buscam um melhor estilo de vida através do pedalo. A princípio era apenas para mulheres, mas como os meninos também queriam participar então criei também o ‘Divos que pedalam’ e tem dado certo durante todos esses quatro anos”, disse.

Ainda de acordo com Cláudia a pandemia fez com que o grupo aumentasse. Antes aparecia no máximo 20 pessoas para participar do percurso, agora o grupo chega até 50 pessoas para pedalar, como é o caso do Marcos.

Marcos tinha parado de pedalar há um tempo e voltou a pedalar no mês de setembro. Para ele as atividades físicas tem melhorado ainda mais o seu condicionamento físico.

“Para mim é muito gratificante encontrar outras pessoas que gostam de praticar esse esporte. Eu não sou da cidade então ficar pedalando pelas ruas me ajuda a encontrar os pontos turísticos e conhecer mais de Manaus”, falou.

Aos interessados em querer participar do projeto basta procurar no Instagram @divasquepedalam e acessar Whats link onde poderá ter acesso ao grupo e assim ficar por dentro das datas e horários em que rodarão na cidade.

Além disso é necessário usar capacete, ter uma luz branca no guidão, uma luz colorida na parte traseira e luvas para melhor segurança, depois é só curtir o momento e ter mais qualidade de vida.