Harry e Meghan Markle querem criar o filho como um “cidadão anônimo”

Em entrevista ao ‘The Times’, a especialista em realeza Roya Nikkhah revelou que um amigo próximo do príncipe lhe disse: “Como o Archie não é um elevado membro da família real, o Harry sente que tem todo o direito de controlar ao máximo a privacidade do filho”, disse.

“Os Sussex não querem usar um título real para o filho na esperança que ele tenha uma vida normal”, acrescentou.

Outras fontes disseram ao ‘The Sunday Times’ que Archie vai ser educado como um “cidadão anônimo” com os pais o protegendo ao máximo da imprensa.

Será que tal irá ser possível?