Homem é morto a facadas ao sair de bar no Mutirão

Na manhã desta sexta-feira (25), Adriano Pereira De Souza, de 19 anos, foi encontrado morto na Rua Grande Circular 2, bairro Mutirão, Zona Norte. Segundo informações do tenente Daniel Pena, da 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), Adriano foi perseguido por dois homens por volta das 9h, logo após sair de um bar.

De acordo com o tenente Pena, a vítima foi morta com sete facadas, que atingiram as costas e a barriga. Adriano era moradora do bairro e segundo um colega de Adriano que não quis se identificar, o jovem trabalhava em uma distribuidora de gás.

“Ele não tinha envolvimento com o crime. Nunca vi ele se envolvendo com algo errado. Se mexia com droga era apenas para consumo, mas sempre foi um cara tranquilo, acima de qualquer suspeita. Apenas gostava de beber e se divertir como todo mundo”, disse o amigo a jornalistas.

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), que investiga o caso, informou que ao longo do dia em que a vítima foi morta, dez clientes compareceram ao bar. As câmeras de segurança devem ser serão analisadas para identificar os suspeitos.

A proprietária do bar informou à polícia que antes da execução de Adrinao, nenhum desentendimento foi registrado.