Homem não aceita fim do relacionamento e mata ex-companheira

Foto: Divulgação

Adriele Bruno da Silva, de 23 anos, se tornou mais uma vítima de feminicídio, após ter sido assassinada pelo ex-companheiro Paulo José de Aguiar no último sábado (18), na comunidade Mutirão do Puru puru, zona rural do município de Careiro Castanho (distante 102 quilômetros de Manaus).

Segundo os relatos de familiares da jovem feitos à polícia, os dois já tiveram um relacionamento, mas não estavam mais juntos. Adriele foi encontrada morta, com um tiro no rosto, ao lado de uma espingarda. Paulo José fugiu logo após consumar o crime

Conforme o delegado David Jordão, responsável pelo caso, as investigações que apuram o feminicídio indicam que o crime teria sido motivado por ciúmes e pelo fato do suspeito não ter aceitado o fim do relacionamento com a jovem. Moradores da área informaram que o homem a agredia constantemente.

A polícia divulgou uma imagem de Paulo José. Qualquer informação sobre o paradeiro dele pode ser denunciado à Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), de forma anônima, pelo número 181.