I Webinar Interinstitucional Parfor é realizado por universidades públicas do AM

Foto: Reprodução

Entre segunda-feira (19) e hoje (20), está sendo realizado o I Webinar Interinstitucional Parfor Amazonas. A iniciativa é promovida pelas  Universidades Federal do Amazonas (Ufam), do Estado do Amazonas (UEA) e o Instituto Federal do Amazonas (Ifam) e quem tiver interesse poderá participar através de um link de inscrição.

A coordenação institucional Parfor Ufam, representada pela professora Heloisa da Silva Borges, informou que, desde 2009, o Parfor vem realizando a formação inicial e complementar, ou seja, continuada de professores. “É um plano que irá ter um longo tempo, pois ainda não atendemos na totalidade os professores da rede estadual e municipal de ensino”, comentou a professora.

De acordo com a coordenadora, em todo o Brasil, por conta da pandemia do covid-19, o Parfor se encontra desenvolvendo atividades remotas, ainda mais, conforme a docente, essa atividade enfrenta o isolamento, em consequência da ausência de internet nos rincões amazônicos. O evento é uma atividade que está incluída na programação do segundo semestre. Nesse aspecto, as instituições como a Ufam, UEA e Ifam irão realizar palestras, oficinas, minicursos, entre outras, para atender os alunos do Parfor.

O Webinar tem por objetivos socializar as experiências institucionais do Parfor no Amazonas, discorrer sobre a Educação em tempo de pandemia e desafio da formação de professores/as no sec. XXI, expor oficinas envolvendo as áreas do conhecimento na formação de professores/as, e, finalmente, realizar minicursos envolvendo a formação do Parfor.

O Parfor Amazonas atua nas três instituições de ensino superior, nos cursos de Licenciaturas nas áreas de conhecimentos de: Ciências da Natureza (Física; Química; Biologia); Humanas (História; Geografia; Filosofia; Pedagogia Sociologia); Linguagens (Artes; Letras); Matemática.

O que é o Parfor

É um programa emergencial criado para permitir a professores em exercício na rede pública de educação básica o acesso à formação superior exigida na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB).

(*) Informações da assessoria