Índia supera 300 mil mortes por Covid-19 e é terceiro país a atingir marca

Paciente com Covid-19 recebe oxigênio em uma escola em Mumbai, na Índia

Paciente com Covid-19 recebe oxigênio em uma escola em Mumbai, na Índia

A Índia superou a marca de 300 mil mortes por Covid-19, tornando-se o terceiro país a atingir esse número, depois dos Estados Unidos e do Brasil, de acordo com os dados divulgados nesta segunda-feira (24) pelo Ministério da Saúde.

O país do sul asiático registrou nas últimas semanas recordes diários de vítimas da doença e chegou a 303.720 óbitos, enquanto o número de contágios alcançou 26,7 milhões desde o início da pandemia. O sistema hospitalar entrou em colapso.

Muitos especialistas afirmam acreditar que o número real é bem mais elevado, pois a doença se propagou das grandes cidades para as áreas rurais, onde vive a maior parte da população de 1,3 bilhão de pessoas e onde há menos serviços de saúde.Nesta segunda-feira, foram 4.454 mortos, o segundo maior balanço diário, após o recorde de 4.529 na quarta-feira da semana passada.

A atual onda de contágios lotou os hospitais e provocou escassez de oxigênio e medicamentos. Os corpos de possíveis vítimas de Covid-19 foram vistos flutuando no rio Ganges ou enterrados em covas rasas. (AFP)