“Já vai tarde”, diz Serafim sobre saída de Salles do Ministério do Meio Ambiente

Foto: Reprodução

Durante pronunciamento na tribuna da Assembleia Legislativa na manhã desta quinta-feira (24), o deputado Serafim Corrêa (PSB) comemorou a saída de Ricardo Salles do Ministério do Meio Ambiente. De acordo com o parlamentar, o ex-ministro prestou um desserviço ao país ao estimular e promover o desmatamento da Amazônia.

“Este homem fez muito mal ao Brasil e a Amazônia, ele estimulou passar a boiada durante a pandemia. Era um homem que não tinha condições de ser ministro, ele estimula as queimadas, as invasões e o garimpo ilegal. Sendo assim quero dizer que ele já vai tarde e prestou desserviços ao Brasil. Deixo aqui o meu repúdio a todos os atos do ministro e a esperança de que o novo ministro mude o disco.”, declarou.

Salles foi substituído pelo ex-secretário da Amazônia, Joaquim Leite, que assume a pasta com a missão de transformar a imagem negativa do ministério no cenário internacional.

No mês de Abril, Serafim se posicionou contra a entrega do título de cidadão amazonense ao presidente Jair Bolsonaro, a quem classificou como ‘Inimigo da Amazônia e da Zona Franca de Manaus’.