João Dória confirma envio de 50 mil doses da Coronavac ao Amazonas

GovernoSP/Divulgação

Após suspender o envio de vacinas ao Amazonas alegando falta de planejamento e controle, o governador de São Paulo, João Dória (PSDB), afirmou em sua conta no Twitter, nesta quinta-feira (11), que enviará 50 mil doses da Coronavac ao estado da região Norte. O envio começará no final deste mês, de forma escalonada e, segundo Dória, só foi confirmado após autoridades do Amazonas garantirem que as vacinas chegarão a quem mais precisa.

O chefe do Executivo de SP afirmou, ainda, que o novo lote nada tem a ver com a distribuição do governo federal. ”Ressalto que essas vacinas não sairão da entrega destinada ao Ministério da Saúde. E sim representam uma doação de São Paulo ao povo do Amazonas”, frisou.

A decisão de Dória chega após apelos feitos por políticos locais e após o envio de um ofício da Ordem dos Advogados do Brasil – seccional do Amazonas (OAB-AM) direcionado ao governador de SP solicitando o envio das doses, anunciado no dia 17 de janeiro porém suspenso por conta de polêmicas de pessoas furando a fila da vacinação no estado.

Na manhã desta quinta, o envio dessas vacinas também foi amplamente discutido pelos parlamentares da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Alem), em sessão ordinária, onde muitos deles se manifestaram em favor do envio imediato das doses, para garantir a continuidade da vacinação no estado.