Jogo da Discórdia piora situação de Jade Picon no reality show

A dinâmica foi realizada no programa ao vivo dessa segunda-feira (7) e envolveu todos os participantes nas discussões

Foto: reprodução/ globoplay

Segunda-feira (7) é dia de Jogo da Discórdia no BBB22! A dinâmica consistia em acusações e acusado, mas sem um júri desta vez. O brother selecionado deveria chamar outro participante que considerasse incoerente e fazer o seu discurso, com direito a resposta.

Eliezer, o mais atacado da noite, e Lucas começaram o jogo e tiveram um embate interessante. Os dois trocaram acusações e bateram boca durante o programa ao vivo até o momento em que Tadeu Schmidt interrompeu. Eli afirmou que Lucas não defende as mulheres e Lucas pontuou que Eli foi interesseiro.

Laís, mais uma vez, tentou rivalizar com Arthur Aguiar no Jogo da Discórdia, mas não obteve sucesso. Os argumentos da médica foram rebatidos com classe pelo ator.

Jade Picon também atacou Arthur, mas foi direto no ponto fraco. Citou a situação envolvendo Tiago Abravanel, que desistiu do jogo, como última cartada antes da decisão popular para desestabilizar o cantor, mas parece não ter funcionado. O brother rebateu e afirmou que o discurso da influenciadora foi apelativo.

Gustavo aproveitou a situação e também afirmou que não gostou da postura de Jade Picon. A fala do brother, que entrou pela Casa de Vidro, ganhou as redes. “Os 30 segundos mais apelativos da história do programa”.

Veja como foi a dinâmica no Jogo da Discórdia:

Eliezer diz que Lucas é incoerente

Lucas diz que Eliezer é incoerente

Eslovênia diz que Gustavo é incoerente

Paulo André diz que Jessilane é incoerente

Laís diz que Arthur é incoerente

Jade diz que Arthur é incoerente

Arthur diz que Jade é incoerente

Gustavo diz que Jade é incoerente

Jessilane diz que Eliezer é incoerente

Natália diz que Lucas é incoerente

Pedro Scooby diz que Eliezer é incoerente

Douglas Silva diz que Eliezer é incoerente

Vinicius diz que Douglas Silva é incoerente

Linn da Quebrada diz que Douglas Silva é incoerente