Leda Albuquerque toma posse como procuradora-geral de Justiça

A promotora de justiça Leda Mara Albuquerque tomou posse nessa segunda-feira (15) como a nova procuradora-geral de Justiça do Amazonas do Ministério Público do Estado (MPE). A solenidade aconteceu no auditório Carlos Alberto Bandeira de Araújo, na sede do MPE, na Zona Oeste da capital. Leda Albuquerque assume o cargo no lugar do procurador de Justiça, Fábio Monteiro, para exercer os trabalhos no biênio 2018/2020.

“Assumo hoje a chefia do MP amazonense consciente de que o poder é efêmero e tudo o que permanece são as escolhas que fazemos e o legado do serviço que prestamos à sociedade, ávida pela garantia e o reconhecimento dos seus direitos”, discursou a procuradora-geral.

Leda Albuquerque é a segunda mulher a assumir o cargo de PGJ do Ministério Público Estadual. A primeira foi Socorro Guedes em 2003. No último biênio, Leda exerceu o cargo de subprocuradora-Geral de Justiça.

Ainda em seu discurso, a procuradora-geral elencou linhas de trabalho que vai seguir à frente órgão ministerial. “Nós temos problemas sérios com relação ao feminicídio, problemas sérios com a violência familiar e, sem dúvidas, esses serão problemas que serão enfrentados por mim e pelo Ministério Público. Nós temos colegas valorosos que atuam nos juizados, na Maria da Penha e com certeza nós vamos focar com muita eficácia e resolutividade nestes problemas que agridem a nossa sociedade, que agridem as famílias do nosso país, além do trabalho de combate à corrupção e ao crime organizado”, disse.

No cargo de PGJ durante os biênios 2014/2016 e 2016/2018, Fábio Monteiro ressaltou a sensação de dever cumprindo e espera que o bom trabalho continue na nova administração.

“Concluo essa etapa da minha vida me considerando mais sereno, mais polido, mais sensível e cada vez mais apaixonado pelo que faço. Foram 4 anos de grandes dificuldades, grandes desafios, mas acima de tudo, um período de aprendizado e grande satisfação”, afirmou Fábio Monteiro.

Cerimônia

A cerimônia foi prestigiada por autoridades civis e militares, chefes ou representantes dos poderes, Membros e servidores do Ministério Público, além de parentes e amigos da nova PGJ.

Compuseram a mesa de autoridades o Chefe da Casa Civil, Arthur Zahlut Lins, representando o Governador do Estado, o Prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, o Deputado Estadual Josué Neto, representando o presidente da Aleam, o presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas, desembargador Yêdo Simões de Oliveira, vereador Walace Oliveira, representando a Câmara Municipal de Manaus, Superintendente da Suframa, Appio Tolentino, e o Procurador-Chefe do Ministério Público Federal no Amazonas, Edmilson Barreiros Júnior.

Também vieram especialmente para a cerimônia os Procuradores-Gerais de Justiça Márcio Augusto Alves, do Amapá, Cleandro Alves de Moura, do Piauí, Kátia Rejane de Araújo Rodrigues, do Acre e Sandro José Neis, de Santa Catarina, além do Conselheiro do Conselho Nacional do Ministério Público, Lauro Machado Nogueira e do Coordenador-Geral da Corregedoria Nacional do Ministério Público, Rinaldo Reis Lima.

Com informações da assessoria do MPE