Leilão virtual do Detran disponibiliza mais de 1,4 mil veículos

blank

Foto: Divulgação Detran-AM

Cerca de 1.400 veículos estarão disponíveis no terceiro leilão virtual do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), que será realizado nos dias 28, 29, 30 e 31. Este será o maior leilão já realizado na história do Órgão.

Os interessados em participar do leilão precisam, obrigatoriamente, comparecer ao local onde os veículos estão expostos para visitação, na Avenida Buriti, nº 6.500, no Distrito Industrial, na zona Leste de Manaus.

A visitação já está aberta ao público e vai até a véspera do leilão, no dia 27 de outubro e devido às regras de distanciamento impostas pela pandemia do novo coronavírus, a visitação precisa ser agendada por Whatsapp, nos números (92) 98263-4129 ou 98218-1717, ou pelo site www.leiloesdonorte.com.br.

1.235 motocicletas e 189 carros.

O atual certame é de responsabilidade da empresa Leilões do Norte, cujo endereço de site é leiloesdonorte.com.br. “Nosso site não é somente ponto com, ou ponto org. Nesse período os criminosos criam sites com o nome parecido só para enganar as pessoas. Por isso é extremamente importante que os interessados venham até nosso galpão ver, pessoalmente, os veículo”, reforçou o leiloeiro Luiz de Chirico.

Segundo dados da Associação de Leiloaria Oficial do Brasil (Aleibras) mais de 312 mil pessoas foram vítimas de fraudes este ano.

“O Detran não negocia os veículos que vão a leilão por meio de rede social, como Facebook, telefone ou mesmo Whatsapp. Isso é golpe. Todos os leilões do Detran Amazonas são oficializados por meio de edital, disponível no site do Órgão, no endereço www.detran.am.gov.br”, explicou Gleice Barros, coordenadora da comissão do leilão do Detran-AM.

A proposta mínima para os carros será de R$ 200, e de R$ 100 para motocicletas. Os lances serão feitos exclusivamente pela internet, no site da empresa leiloeira.

O lance vencedor terá o prazo de 48 horas após a confirmação do arremate para fazer o pagamento. Caso o contrário, o participante perderá o lote arrematado e automaticamente serão tomadas as providências cíveis e criminais conforme o edital.