Mais de 10 bairros da capital receberam reforço de pluviômetros automáticos

Com intuito de dar uma ação e resposta mais rápida para evitar desastres naturais, a Prefeitura de Manaus realizou a instalação de pluviômetros automáticos em 13 bairros da capital amazonense.A medida, feita em parceria com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), faz parte do planejamento de modernização para o reforço de monitoramento em áreas de risco da cidade. Atualmente, Manaus possui 734 pontos de áreas de risco.

Os pluviômetros estão instalados nos bairros Mauazinho, Cidade Nova, Tarumã, Jorge Teixeira, Puraquequara, Colônia Antônio Aleixo, Educandos, Compensa, Coroado, Nossa Senhora das Graças, Santa Etelvina, Cidade de Deus e Redenção.

Eles foram instalados, por intermédio da Secretaria Executiva de Proteção e Defesa Civil de Manaus, em escolas municipais e Unidades Básicas de Sáude (UBSs) e serão utilizados para medir a quantidade de chuva e auxiliar o trabalho preventivo.

Além dos novos pluviômetros automáticos instalados na cidade, a Defesa Civil também reforça o trabalho preventivo e de monitoramento, por meio de três Plataformas de Coleta de Dados (PCD’S), instaladas em dois igarapés de Manaus: Igarapé do Mindu (avenida Mário Ypiranga Monteiro e bairro Novo Aleixo) e Igarapé do Quarenta que auxiliam no monitoramento da subida da água dos igarapés no período chuvoso; e sete pluviômetros semi-automáticos instalados na cidade.