Manaus terá orçamento de R$ 5,1 bilhões para 2019, segundo Semef

A Prefeitura de Manaus terá uma previsão orçamentária de R$ 5,149 bilhões para o exercício de 2019. Comparado a 2018, haverá um crescimento previsto de aproximadamente 8%.

Os números foram apresentados Secretaria Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (Semef) durante uma audiência pública realizada nesta sexta-feira no auditório da Escola do Servidor Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi), na zona Centro-Sul.

“Todos os órgãos que têm planos municipais na área de educação, saúde, mobilidade urbana, infraestrutura, trânsito, fizeram anteriormente suas audiências públicas setoriais e chamaram a sociedade para discutir as suas propostas orçamentárias. Agora estamos consolidando nossa proposta orçamentária”, pontuou o secretário da Semef, Lourival Praia.

Em relação às projeções de receitas municipais, a Lei Orçamentária Anual (LOA) 2019 prevê crescimento na arrecadação dos principais impostos municipais. O Imposto Sobre Serviço (ISS) deverá crescer mais de 8% e chegar a R$ 629,2 milhões. Já o Imposto Predial e Territorial Urbano (Iptu), tem previsão de 12% de incremento, o que deve chegar a R$ 246,4 milhões. O Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (Itbi) deve arrecadar R$ 58,73 milhões, mais de 20% em comparação ao previsto para 2018.

De acordo com o detalhamento feito pela Semef, a maior fatia do orçamento (27%) deverá ser destinada às ações da Secretaria Municipal de Educação (Semed), que deverá corresponder a R$ 1,390 bilhão do total.

O segundo maior orçamento previsto será destinado à Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), que deve receber R$ 939,9 milhões. Em seguida vem a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), com uma previsão orçamentária de R$ 403,6 milhões para 2019.

Em 2019, segundo dados da Semef, a Prefeitura de Manaus alocará mais de R$ 582 milhões para os investimentos de recapeamento, drenagens, mobilidade e demais áreas da cidade. O montante é R$ 24 milhões maior que o investimento previsto para 2018.

Com os números consolidados, a Prefeitura de Manaus deverá fechar a mensagem da Lei Orçamentária Anual (LOA) para o exercício de 2019 e encaminhar à Câmara Municipal de Manaus (CMM) nas próximas semanas. A expectativa é que a matéria seja aprovada pelo Legislativo Municipal em dezembro deste ano.