MEC divulga primeira chamada do Sisu do meio do ano 2014

sisu221

O Ministério da Educação divulgou na manhã desta sexta-feira (6) o resultado da primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O candidato deve acessar o site sisu.mec.gov.br  e conferir as listas de aprovados por curso ou consultar o seu boletim de desempenho. As matrículas devem ser feitas entre a próxima segunda (9) até sexta-feira (13). No total, 1.214.259 candidatos se inscreveram neste processo seletivo, um crescimento de 54% em relação à mesma edição do ano passado.

A lista dos classificados em segunda chamada será divulgada em 24 de junho, com matrículas entre 27 de junho a 2 de julho.

Nesta edição, válida para o segundo semestre, serão oferecidas 51.412 vagas em 67 instituições. O Sisu é um processo seletivo que usa as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para selecionar estudantes em cursos de graduação de universidades federais e institutos tecnológicos de ensino superior. Para participar, era preciso ter feito o Enem em 2013 e obtido nota acima de zero na redação.

Dentre os inscritos no Sisu, 58% são mulheres. Do total, 59% têm idade entre 18 e 24 anos. O estado com maior número de inscritos no sistema de seleção foi Minas Gerais (438.469) –que também tem o maior número de instituições participantes–, seguido por Rio de Janeiro (382.486), Bahia (193.040) e Paraíba (169.528).

As instituições de ensino com maior procura foram: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com 177.307 inscritos; Universidade Federal do Piauí (UFPI), com 142.832; e Universidade Federal do Maranhão (Ufma), com 142.018.

O curso que despertou maior interesse dos candidatos foi medicina, com 180.479 inscrições, o que representa 131 candidatos por vaga. O segundo curso mais procurado foi direito, com 119.639 inscrições e uma média de 87 candidatos por vaga.

Prouni

Quem não for aprovado no Sisu pode tentar uma vaga em faculdade particular com bolsa de estudos do governo federal por meio do Programa Universidade para Todos (Prouni). As inscrições serão abertas nesta segunda-feira (9). O Prouni de meio de ano terá uma oferta de 115.101 bolsas de estudos.

O número de bolsas é 28% maior do que na edição do meio do ano de 2013, quando 90.045 bolsas foram oferecidas. Do total da oferta neste ano, 73.601 são integrais e 41.500, parciais. O curso com maior oferta de bolsa é o de administração (13.168), seguido pelo direito (7.887) e a pedagogia (7.725). O curso de engenharia civil, considerado estratégico pelo governo federal, está em sexto lugar, com 6.651 ofertas de bolsa.

Para se inscrever, o candidato precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2013 e ter concluído o ensino médio integral ou parcialmente na rede pública, ou integral ou parcialmente na rede privada, desde que tenha recebido bolsa de estudos integral. A participação é vedada a quem já tem um diploma de curso superior.

A inscrição deve ser feita no site do Prouni entre a segunda-feira (9) e as 23h59 da próxima quarta-feira (11).

Também se encaixam nos requisitos do Prouni os estudantes com deficiência e os professores da rede pública que atuem na educação básica.

O Prouni tem duas modalidades de bolsa: a bolsa integral é indicada aos estudantes com renda familiar bruta mensal per capita de até 1,5 salário mínimo. Os estudantes com renda familiar bruta mensal per capita de até 3 salários mínimos podem concorrer às bolsas parciais de estudo.

A primeira chamada do Prouni do segundo semestre será divulgada no dia 15 de junho, e os candidatos aprovados terão entre os dias 16 e 24 de junho para entregar, na própria instituição de ensino, os documentos que comprovem a renda familiar, para efetuar sua matrícula. A segunda chamada pelo sistema será divulgada em 4 de julho, e a matrícula deverá ser feita entre os dias 4 e 11 de julho.

Fonte: G1