Especial Publicitário

Mês da Mulher: Você se cuida. E nós cuidamos de todas.

Por: Secretaria Municipal de Comunicação
conteúdo de responsabilidade do anunciante

A campanha do Mês da Mulher, coordenada pelo Fundo Manaus Solidária, já ganhou as ruas e a atenção da sociedade. O tema “Você se cuida. E nós cuidamos de todas” sinaliza o compromisso da Prefeitura de Manaus de intensificar serviços nas áreas da saúde, assistência social, proteção aos direitos humanos, qualificação profissional e apoio ao empreendedorismo, dirigidos a mulheres de todas as idades.

Resultado do trabalho integrado de várias secretarias municipais, a campanha chama a atenção da sociedade para dois grandes inimigos da mulher atual: a violência de diversas formas e um crescente avanço no número de casos de câncer do colo do útero, o de maior incidência em Manaus.

Pelo Brasil, os dados são alarmantes:

– Estima-se a ocorrência de 16.370 novos casos de câncer do colo do útero para cada ano do biênio 2018-2019;
– Risco estimado de 15,43 casos a cada 100 mil mulheres;

Os dados são do Instituto Nacional do Câncer (Inca).

Preocupada com esta realidade, a Prefeitura de Manaus reforça o alerta para os cuidados com a atenção à saúde integral da mulher. Durante o Março Lilás, além dos exames preventivos, são ofertadas vacinas contra o HPV, exames de mamografia e consultas clínicas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e em diversos pontos da cidade. A programação, porém, vai além dos atendimentos de saúde.

No campo da proteção aos direitos da população feminina, a Secretaria Municipal da Mulher Assistência Social e Cidadania (Semasc) também reforça o atendimento e orientação a vítimas de abuso e divulga seus canais de denúncia para casos de preconceito e violência. Desde a criação da Subsecretaria Municipal de Políticas Afirmativas para as Mulheres, em 2015, foram realizados mais de 12 mil atendimentos. Em 2018, os registros apontam para 5.732 procedimentos nas áreas de abrangência da subsecretaria no esforço de evitar a ocorrência de crimes contra a mulher. Agora, no mês de março, já foram noticiados três casos de feminicídio no Amazonas, e o Brasil ocupa a vergonhosa posição de quinto lugar como país que mais mata mulheres. Uma realidade que precisa mudar urgentemente.

Programação

A programação do Mês da Mulher pode ser conferida no site www.manaussolidaria.org e inclui atividades diversas:

– Palestras, oficinas e debates sobre a garantia de direitos, o combate à violência doméstica, ao assédio sexual e ao feminicídio, além de informações sobre a rede de proteção feminina existente no Estado;

– Ações de cidadania, com a emissão de documentos e a oferta de atendimento psicossocial e orientação jurídica.

– Qualificação profissional, noções de empreendedorismo e oficinas pela Secretaria Municipal de Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), permitindo que a mulher encontre formas economicamente viáveis que a libertem de uma possível dependência econômica.

– Atividades de embelezamento e esportivas, contemplando todas as faixas etárias, de 9 anos a melhor idade.