Mesmo com os problemas estruturais, Rotta acredita que a Copa trará avanços para a economia brasileira

MARCOS-ROTTA-PMDB-DM-13-572x381O deputado estadual Marcos Rotta (PMDB), destacou o evento da copa do mundo de futebol como uma grande conquista para o povo brasileiro, em especial para o Amazonas, mesmo diante de alguns problemas de infraestrutura.

“É claro que temos muitos problemas, não apenas em Manaus, mas em outras sedes da copa do mundo espalhadas pelo país. Dificuldades na questão da mobilidade urbana (e houve grande expectativa com relação a isso), especificamente na cidade de Manaus, problemas seríssimos nos aeroportos e muitas falhas na comunicação, por isso tivemos uma CPI tratando dessa questão, tamanha a gravidade da comunicação hoje entre as telefonias fixa, móvel e a internet. Temos a intromissão da FIFA no nosso país, ditando as regras, ditando inclusive preços e produtos que poderão ser comercializados nas cidades sede da copa do mundo. É um ponto que não temos como fugir, são deficiências que temos há anos”, comentou Rotta.

Mesmo diante dos problemas, o deputado destacou o legado que um grande evento como a copa do mundo pode deixar para o país e para o nosso estado.

“A copa do mundo também traz a chama do esporte mais querido e mais praticado do país, que é o futebol. Desde 1950 nós não tínhamos essa oportunidade de movimentar o Brasil em torno de sermos sede da copa do mundo. É claro que isso vai trazer benefícios, que podem não ser momentâneos, mas penso com otimismo que o Brasil avançará muito nessa questão do legado da copa do mundo, mesmo porque já existe referência de outros países que foram sedes de copas e nós percebemos, sobretudo, o avanço do turismo nesses países”, completou.

O Amazonas mostrado ao Mundo

Rotta também destacou a importância de mostrar as belezas do Amazonas ao mundo, para atrair turistas e gerar emprego e renda no estado.

“Vi o vídeo que a FIFA divulga o Amazonas para o mundo inteiro. Um vídeo de pouco mais de 1 minuto que exalta as belezas naturais do Amazonas, o nosso folclore, cultura, potencial turístico, a nossa floresta, os nossos rios e , principalmente, a hospitalidade do povo brasileiro, em especial do povo amazonense. Então, sem dúvida, mesmo diante dos problemas que nós temos e dos avanços que não chegaram ao estado do Amazonas, temos a grande possibilidade de compensar isso mostrando as nossas riquezas, nosso potencial turístico e a grande hospitalidade do povo amazonense. Precisamos mesmo mostrar ao mundo as belezas do Amazonas e atrair mais turistas à capital e interior do estado, porque essa é uma vocação natural do Amazonas. Uma forma importante para que a gente possa solidificar a geração de emprego e renda através do turismo. Que o Brasil possa em campo atingir toda a expectativa do povo brasileiro, que nesse momento passa a ser o 12º jogador da seleção”, finalizou.