Anúncio Advertisement

Metalúrgicos demitidos vão receber quase R$ 2 milhões no Amazonas

 

Um total de 90 metalúrgicos que perderam os empregos no Distrito Industrial de Manaus no início de 2019, vão receber o pagamento de R$ 1.999.207,58 em créditos. O valor será pago em parcela única no próximo dia 22 de abril. O acordo foi firmado no Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região – AM/RR (TRT11).

O juiz titular da 1ª Vara do Trabalho de Manaus, Djalma Monteiro de Almeida, homologou o acordo entre o Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas (Sindmetal) e as empresas Universal Fitness da Amazônia Ltda. e Merco Fitness da Amazônia Indústria e Comércio de Equipamentos de Ginástica Ltda em audiência de conciliação realizada na sexta-feira (12).

O sindicato atuou em substituição aos metalúrgicos para salvaguardar direitos trabalhistas, sendo objeto da ação o pagamento da rescisão contratual, a multa de 40%, o FGTS em atraso e o dano moral, totalizando os pedidos o valor de R$ 2.169.450,44.

O magistrado informou que em caso de inadimplência, inicia-se imediatamente a execução via bloqueio judicial. Após a quitação, os autos serão arquivados.

Com informações da assessoria de imprensa.