Microsoft supera Apple em valor de marcado durante pregão

Quatro meses depois de romper a marca inédita de US$ 1 trilhão, a Apple foi superada pela Microsoft em valor de mercado. Pelo menos durante parte do pregão dessa segunda-feira (26).

Foi a primeira vez em mais de oito anos que a empresa de Bill Gates ficou à frente da fabricante do iPhone, que perdeu mais de US$ 300 bilhões (R$ 1,18 trilhão) de seu valor de mercado nas últimas semanas, depois de ter previsto vendas mais fracas para a temporada de fim do ano e em meio a notícias de redução na demanda pelos seus smartphones.

Também foi a primeira vez que a Apple perdeu a liderança entre as empresas mais valiosas dos Estados Unidos desde que ultrapassou a ExxonMobil, em 2013, de acordo com a Bloomberg.

Ao fim do dia, no entanto, a Apple recuperou o trono, com um valor de mercado de US$ 828,64 bilhões.

A Microsoft valia US$ 822,90 bilhões. As ações das duas empresas fecharam o pregão em alta, de 1,4% e 3,3%, respectivamente.

Os papéis das empresas de tecnologia sofreram fortes quedas nas últimas semanas, arrastando as Bolsas.

Desde seu pico, as ações da Apple acumulam queda de 25%. As da Microsoft sofreram menos, com uma desvalorização de 8%. A empresa tem agradado aos investidores com o sucesso da sua divisão de computação em nuvem, prioridade desde que o Windows perdeu peso.

Fonte: Folhapress.