Miss Brasil Mundo 2022: Amazonas vence primeira coroa do estado no concurso

Foto: Divulgação

A amazonense Letícia Frota, 20, foi eleita na noite desta quinta-feira (4), em Brasília, como a nova Miss Brasil Mundo. Esta é a primeira coroa da história do concurso para o Amazonas, que nunca havia vencido antes. Letícia, que é natural de Manaus, é modelo, digital influencer e estudante de Psicologia.

A jovem deixou para trás outras 35 candidatas no tradicional concurso de beleza feminina, que chegou à sua 62ª edição. Agora, ela inicia sua preparação para defender o país no Miss Mundo (ou Miss World, no original).

Em segundo e terceiro lugares, ficaram respectivamente Gaby Araújo, do Espírito Santo, e Ana Carolina Manginelli, de São Paulo. Completaram o Top 5 as misses Recôncavo Baiano, Isabella Gregorutti (quarto lugar), e Rio Grande do Norte, Thuany Cristine (em quinto). Quem passou a coroa foi a brasiliense Caroline Teixeira, titular de 2021.

No Top 8 estavam ainda as misses Maranhão, Danielly Martins, Mato Grosso do Sul, Hemilly Duarte, e Pará, Maria Carolina Costa. A Miss Pantanal-MT, Vitória Corvalan levou a faixa de Miss Simpatia, eleita pelas suas colegas, enquanto Rondônia levou o prêmio de Miss Fotogenia, escolhida pelo fotógrafo Raffa Rodrigues.

Pelo segundo ano consecutivo, a diversidade vem refletida no grupo de candidatas do Miss Brasil Mundo, com uma mulher trans na disputa do título. Ela é a jovem Alice Ridenn, que é a Miss Agreste Pernambucano.

Há também um total de oito candidatas negras, que são as misses Bahia, Ceará, Grande São Paulo, Ipiranga-SP, Maranhão, Minas Gerais, Rondônia e Região Centro Paulista. Além delas, duas das concorrentes possuem raízes indígenas, como a Miss Mato Grosso do Sul, Hemilly Duarte, que tem ascendência da etnia Terena.

Além de ensaios, durante a semana, as candidatas participaram de seis provas preliminares valendo pontos classificatórios. São elas: entrevista com os jurados, desafio de talento, desfile em traje típico, desfile top model, desfile em traje de gala e —a mais importante— defesa do projeto social, chamada Beleza pelo Bem.

O show da final foi realizado no Teatro da Caesb, em Águas Claras, e transmitido ao vivo pela internet para todo o país. A competição está na programação do Festival Brasília, organizado pelo Núcleo de Arte do Centro-Oeste (Naco), em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal.

UM DOS 5 MAIORES

A próxima edição do Miss Mundo, a mais antiga e tradicional disputa de beleza feminina do planeta, ainda não tem data divulgada, mas estima-se que ocorra no final do ano. A atual detentora do título é a polonesa Karolina Bielawska, coroada em março passado.

O Miss Mundo é um dos principais concursos de beleza do planeta. Comandado pela Miss World Organization, que também realiza o Mister Mundo, ele faz parte do chamado grand slam da beleza, onde estão também o Miss Universo, o Miss Supranational, o Miss Grand International e o Miss International.

Apesar de ter sido lançado em 1951, o Miss Mundo começou a contar com representantes brasileiras apenas em 1958, sendo a pernambucana Sônia Maria Campos a primeira representante do país.