Moradores da zona Norte fazem protesto para exigir que Amazonas Energia reveja valores cobrados aos consumidores (ver vídeo)

Os consumidores reclamam que após troca dos medidores de energia, as contas faturadas pela concessionária mais que triplicaram de valor

Foto: Reprodução

Moradores do conjunto  Canaranas e do Fazendinha,  no bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus,  se reuniram em protesto, na manhã desta quarta-feira (19), para reclamar do valor cobrado nas contas de energia. Segundo os manifestantes, após a troca dos medidores de energia, as contas faturadas pela concessionária mais que triplicaram de valor. Em alguns casos, a fatura chega aos consumidores dessas comunidades com valores superiores a R$ 1 mil, mais caras que um salário mínimo, valor esse que é o salário recebido pela maioria dos moradores, que não tem condições para pagar a conta de energia.

O Sistema de Medição Centralizada (SMC) implantado nesses locais deveria medir o consumo real dos cliente, no entanto, casas com poucos eletrodomésticos (geladeira, ventilador, televisor) são contempladas com valores que não se enquadram na realidade da população.

Populares disseram, inclusive, que os novos contadores parecem estar adulterados para consumir mais, mesmo que todos os eletrodomésticos estejam fora da tomada, o consumo continua a ser contabilizado.

Nem mesmo os consumidores beneficiados com a cota social estão sendo poupados com os valores absurdos.

Uma moradora da zona Norte que o Radar Amazônico que preferiu ter seu nome preservado disse:

“Estamos com umas situações bem complicadas aqui no bairro! Devido às trocas dos postes de energia, a conta está vindo um absurdo. Quem pagava 300 reais, agora está pagando 1.025 reais E os moradores farão um protesto. Aqui tem vários moradores que estão com a energia bloqueada, porque não tem como pagar 😪”

Os moradores do conjunto Canaranas, situado no mesmo bairro, avisam que farão uma grande manifestação ainda nesta quarta-feira, em horário a ser definido. Pois não podem aceitar uma conta cujos valores são totalmente inviáveis para a maioria dos moradores.

Nota da Concessionária 

Questionada, a concessionária relatou que  a Amazonas Energia “beneficiou seis bairros com o sistema de medição inteligente (SMC). É uma das maiores inovações e tecnologia já produzida para o sistema elétrico. E traz mais qualidade, segurança e transparência aos serviços de leitura e medição do consumo de energia. É a chamada medição inteligente, já adotada em vários países do mundo e em vários estados brasileiros. No Amazonas a implantação do projeto já beneficiou parte dos bairros: Cidade Nova, Colônia Santo Antônio, Nova Cidade, Parque Dez, Riacho Doce e Bairro da União. O SMC elimina a falha humana, pois o faturamento é feito pelo próprio sistema sem risco de erro na hora da leitura do consumo.”

Veja o que diz a nota na íntegra:

Em resposta aos questionamentos ocorridos ontem (18), e hoje (19), via portais de imprensa sobre o SMC e a manifestação ocorrida no Canaranas, área de implantação do projeto, a Amazonas Energia vem esclarecer e trazer informações importantes para o entendimento sobre o projeto.

O Sistema de Medição Centralizada (SMC) é uma das maiores inovações e tecnologia já produzida para o sistema elétrico. Ele traz mais qualidade, segurança e transparência aos serviços de leitura e medição do consumo de energia. É a chamada medição inteligente, já adotada em vários países do mundo e em vários estados brasileiros. No Amazonas a implantação do projeto já beneficiou parte dos bairros: Cidade Nova, Colônia Santo Antônio, Nova Cidade, Parque Dez, Riacho Doce e Bairro da União.

O SMC, é um novo sistema de medição que fica na parte superior do poste de energia, fazendo com que o consumo de energia seja medido remotamente, diretamente da central da distribuidora, sem a necessidade de que um leiturista vá até a residência para fazer a medição. O cliente vai acompanhar em tempo real todo o seu consumo através de um terminal de leitura na sua residência, e que ficará instalado no mesmo lugar onde ficava o antigo medidor. É importante saber que todo o sistema é homologado pelo Inmetro e pela ANEEL, portanto totalmente regular.

Vale ressaltar que o sistema possibilita o aumento na qualidade da energia, pois para a implantação do sistema é realizada reforma de toda a rede da região beneficiada, com utilização de equipamentos e materiais adequados e seguindo as normas técnicas vigentes. Com estruturação da rede e o balanceamento de carga a rede de energia fica mais confiável e com menos interrupção no fornecimento. Isso porque com o monitoramento em tempo real a Distribuidora tem conhecimento de todos os pontos através do sistema podendo agir preventivamente.

O SMC elimina a falha humana, pois o faturamento é feito pelo próprio sistema sem risco de erro na hora da leitura do consumo. Mais segurança: com o novo sistema, ocorrerá menos interrupção de energia e adequação de cargas de acordo com o funcionamento atual da área, assim como não haverá a ida do leiturista às residências, o que inibirá que terceiros possam se fazer passar por funcionário, evitando golpes e trazendo mais segurança ao cliente.

Ações como: religação, solução para quedas de energia e outros problemas serão resolvidos em um prazo muito mais rápido. Tão logo o problema ocorra, o sistema já comunica e as equipes já são acionadas para fazer o reparo, isso mesmo antes que o consumidor informe através do 0800.

Junto com a mudança de postes e fiação para implantação da medição inteligente, é necessário que serviços como internet, telefonia e TV a cabo sejam realocados pelas empresas responsáveis. Antes da implantação, a Distribuidora comunica e estabelece com as empresas a programação para que eventuais transtornos sejam corrigidos no menor prazo possível.

Para a implantação do sistema a empresa realiza os comunicados previamente conforme estabelece a regulamentação da ANEEL, mantendo o cliente informado sobre a implantação.

O SMC faz parte da necessária modernização do sistema de distribuição e traz diversas vantagens para quem consome e paga suas contas corretamente. Com toda essa melhoria a Amazonas Energia está buscando cada vez mais oferecer energia com qualidade para os nossos consumidores, através da realização de investimento e modernização de toda a sua linha de distribuição.

Outra informação importante é que todo este investimento será fiscalizado futuramente pela ANEEL e como qualquer outro investimento no sistema, se considerado adequado conforme regulamentação da ANEEL, irá compor o processo de revisão tarifária, porém como o sistema reduz perdas decorrentes dos furtos e fraudes, também proporcionará no mesmo processo de revisão, a redução da tarifa que possui uma componente para cobrir uma parcela significativa das perdas comerciais no Amazonas. As perdas no Amazonas atualmente estão na ordem de 44%.

Para mais informações, o cliente pode entrar em contato pelo telefone e WhatsApp 0800 701 3001, acessando o site www.amazonasenergia.com ou App.

Assista trecho do protesto