Anúncio Advertisement

Moradores podem ter 100% de desconto nos juros de unidades habitacionais

Moradores de conjuntos habitacionais da Superintendência de Habitação do Amazonas (Suhab) com débitos em aberto têm até o dia 9 de abril para quitar suas prestações em atraso com 100% de desconto nos juros contratuais para pagamentos à vista.

A campanha faz parte do Programa de Recuperação de Créditos (PCR) e está em vigor por meio da Lei 4.577/2018, que possibilita a renegociação de dívidas de contratos ativos e inativos de residenciais populares financiados pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH) nos municípios de Manaus, Itacoatiara, Manicoré, Humaitá, Parintins, Coari, Manicoré e Maués.

Para intensificar as ações do Programa, técnicos da Suhab estão trabalhando em várias frentes dentro dos espaços comunitários dos residenciais em Manaus, divulgando as negociações e atendendo os mutuários no horário alternativo das 17h às 20h.

Os moradores podem ser atendidos na capital,na sede da Suhab, localizada na alameda Cosme Ferreira, Coroado 3, e nos Pronto Atendimento Cidadão (PACs) Shopping Sumaúma (avenida Noel Nutels, 1.762, Cidade Nova) e Shopping Via Norte (avenida Grande Circular, 288, Tancredo Neves).

Atendimento no interior

Nos outros municípios, equipes já estiveram em Itacoatiara e Maués. Nesta semana, até sexta-feira (30) o atendimento está sendo realizado em Parintins (420 quilômetros da capital), na sede do Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC), na rua Jonathas Pedrosa, no Centro. Na próxima semana, a equipe se deslocará para o município de Humaitá.

Parcelamento

A Lei possibilita que os mutuários tenham desconto de 100% nos juros contratuais para pagamento à vista e 98% nos juros contratuais em até 60 vezes e 96% nos juros contratuais até 150 vezes. Para realizar a negociação, os mutuários precisam ter em mãos RG, CPF, Procuração (caso seja um contrato de gaveta) e Contrato de Compra e Venda.

Para o Programa de Recuperação de Titularidade dos Imóveis são necessários: RG, CPF, Procuração (caso seja um contrato de gaveta), Contrato de Compra e Venda e Comprovante de Renda (3 últimos) e 3 últimas prestações pagas.

Com informações da Suhab.