Morre ex-presidente da AFEAM, Pedro Falabela

pedro falabela

Dos 14 anos de existência da Agência de Fomento do Estado do Amazonas (AFEAM), completados em setembro do ano passado, 11 deles foram sob o comando de Pedro Falabela. Economista e funcionário do Basa de carreira, Pedro Falabela assumiu a AFEAM em 2003, durante a administração do então governador Eduardo Braga, estando à frente do órgão durante todos os mandatos do ex-governador, agora senador, e permanecendo durante as administrações de Omar Aziz.  Até 2012, a AFEAM já tinha investido mais de R$ 918 milhões em operações de crédito, com a geração ou manutenção de 346 mil ocupações econômicas em todo o Estado. Falabela era um defensor incondicional da existência da AFEAM e de sua importante função social. “A AFEAM é a única instituição financeira de desenvolvimento do Estado que atua em 100% do território amazonense. Somos mais que fomentadores de negócios. Somos responsáveis pela geração de empregos e renda para a população amazonense, funcionando com transversalidade e realizando sonhos de pessoas que, sem apoio do Governo do Estado, não teriam quaisquer perspectiva de crescimento”, disse Falabela ao site “O Outro Lado da Moeda”.

tela de pedro falabelaSe na AFEAM Falabela demonstrou toda a sua capacidade como economista e administrador, como político conseguiu um feito inédito na história do Amazonas: ser cinco vezes prefeito da sua cidade, Urucará. Mas, Pedro Falabela não se limitou ao universo econômico e político. Entre seus muitos talentos estavam as artes plásticas retratando o Amazonas, seu povo e seus costumes em telas que levam o pensamento para a grandeza e a beleza da nossa região (foto). Sua marca como artista plástico está nas paredes da AFEAM como a lembrar da importância de fomentar desenvolvimento nos lugares mais longínquos do Estado.

por do sol em urucaráFalabela que era do PMDB saiu da AFEAM no atual Governo de José Melo, há um mês, em meio a um processo político tempestuoso. Mas, com a disposição que era uma de suas características disse que iria voltar para Urucará, para mais uma vez administrar sua cidade – além de ver o pôr do sol de Uracará que Pedro Falabela dizia ser o mais lindo do mundo (foto) Dificilmente não obteria êxito já que até hoje ainda é aclamado como a maior liderança daquela região. Infelizmente, Falabela foi vencido por um problema cardíaco após 11 hs de cirurgia para tratar do rompimento de uma artéria. Morreu às 23hs30m no Hospital Beneficente Portuguesa. Mas, deixa um legado que está acima das conquistas na AFEAM e de suas vitórias políticas, traços de caráter que só os grandes homens possuem,  a lealdade aos amigos e o respeito pelo seu Estado. (Any Margareth)